10. Set. 2012

listras e lembranças

Arquivado em: Aleatoriedades

Fechei os olhos por algum tempo. Não sei bem se foi por algumas horas ou apenas alguns segundos. Quando abri, vi que estava em um quarto diferente daquele meu velho quarto de sempre. Achei estranho. Fechei e abri os olhos novamente. Sim, realmente estava em um quarto diferente, mas de alguma forma me senti familiarizada como se alguma coisa naquele lugar me pertencesse.

Olhei pela janela e vi um garoto de camisa listrada atravessando a rua. Senti uma vontade repentina de sair. Sair sem saber para onde ir, apenas sair. Me olhei no espelho, peguei minhas câmeras fotográficas (uma polaroid e uma canon digital), um cardigã azul e desci as escadas. Assim que passei pela porta do prédio o garoto de camisa listrada falou “Que pontualidade britânica!”. Tomei um susto e de repente percebi que ele tinha ido me encontrar. Andamos sem saber o nosso destino, mas de alguma forma parece que nossos pés sabiam para aonde nos levar: livrarias, cafés, sebos, praças, árvores, ruas com uma iluminação única… tudo com muitas fotos e risadas. Eram novas lembranças de um dia diferente, atípico. Parecia que nos conhecíamos há anos, pois até dançamos e cantamos em perfeita sintonia na chuva.

Quando anoiteceu, percebi que estávamos em Londres. Sim, um sonho estava sendo realizado e eu só tinha percebido quando era hora de dar tchau para o garoto da camisa listrada e voltar para aquele quarto. Para o meu quarto em Londres. Quando abri a porta corri para a janela e vi as estrelas. Queria registrar cada momento daquele sonho. Tirei fotos da vista do meu quarto, da minha escrivaninha, da cama, do armário, das minhas sapatilhas que estavam em cima do tapete que ficava em frente à cama… queria registrar tudo que meus olhos viam.

Coloquei as minhas câmeras em cima da escrivaninha. Puxei minha cadeira, sentei. Liguei o abajur e fiquei um tempo olhando para as fotos da polaroid. Amo lembranças instantâneas! Fiquei pensando no garoto da camisa listrada que estava presente nas minhas lembranças. Abri minha moleskine vermelha e escrevi sobre o meu dia.

Já era tarde e precisava dormir. Coloquei meu pijama de flanela e deitei. Fazia tempo que não dormia tão bem. Horas depois, quando acordei, vi que lá estava no meu velho quarto de sempre. Pensei “não acredito que foi tudo um sonho!”. Fechei os olhos e tentei voltar para o meu quarto em Londres. Não deu certo. Depois de ficar uns 20 minutos deitada tentando lembrar de cada momento que tinha vivido enquanto dormia, resolvi levantar e escrever sobre essa experiência na minha moleskine vermelha. Puxei a cadeira, peguei a moleskine e não acreditei quando vi que em cima da escrivaninha estavam todas as fotos que tinha tirado com a polaroid no meu sonho. As fotos que antes estavam guardadas dentro da minha câmera também estavam lá. Sim, elas estavam na minha mesa junto com um envelope que tinha um cartão escrito “Obrigado pelo sonho, mocinha. Um beijo e um abraço do garoto da camisa listrada”.

79 comentários . Comentar via blog

  1. setembro 10, 2012

    Minha nossa. Que lindo isso, consegui imaginar cada detalhe. Isso daria um belo filme Mel.
    Mas uma dúvida, isso tudo foi real (o sonho) ?
    bjo, bjo.

    Responder
  2. caroline camero
    setembro 10, 2012

    que coisa mágica =O

    Responder
  3. setembro 10, 2012

    Que texto lindo e inspirador.
    Você coloca um ar de suavidade em tudo que faz.
    Parabéns por ser tão criativa.

    http://isabellesantana.blogspot.com.br/

    Responder
  4. Tatiane
    setembro 10, 2012

    Nossa Mel, que palavras singelas….
    Tudo tão delicado,e sonhador…
    Adorei, consegui imaginar tudo enquanto lia foi encantador, senti vontade de sonhar acordar.
    BEijos MEl, q vc tenha mais e mais sonhos lindo e fofos como este.Para nos render lindas historias,

    Responder
  5. Tatiane
    setembro 10, 2012

    ** vontade de sonhar acordada rs

    Responder
  6. setembro 10, 2012

    Sem dúvidas, esse foi um dos textos que mais me fez sonhar, e mais me inspirou. Obrigada, sem mais.

    Responder
  7. Denise Beliato
    setembro 10, 2012

    Que encanto Mel. Amei.

    Responder
  8. setembro 10, 2012

    QUE LINDOOOO….. AMEI…. FIQUEI IMAGINANDO CADA CENA AO LER CADA LINHA.

    Responder
  9. Angela Donava
    setembro 10, 2012

    Super post!Jolies photos!

    Angela Donava
    http://www.lookbooks.fr

    Responder
  10. setembro 10, 2012

    Adicionei como “Meu post favorito” daqui.

    Beijos, senhorita sonhadora.
    Toca da Thamy

    Responder
  11. setembro 10, 2012

    Mel que lindo!
    Posso ser feliz e acreditar que foi isso o que aconteceu essa noite?
    Linda linda!:)

    “A man tells so many stories, that he becomes the stories. They live on after him, and in that way he becomes immortal.” – Will Bloom, Big Fish

    Responder
  12. Nathália
    setembro 10, 2012

    Quem escreveu esse maravilhoso texto? Já é da categoria dos textos dos leitores? Adorei! Beijos :)

    Responder
    1. Melina
      setembro 10, 2012

      Fui eu, chuchu! Tomei coragem e publiquei um conto escrito por mim :) fico feliz que tenha gostado *•*

      Responder
  13. Tatiane
    setembro 10, 2012

    Espero que este seja o primeiro de muitos Mel,Este conto ficou super fofo….Uma mistura de sonho e realidade parabens, anciosa para ver um proximo rs beijos

    Responder
  14. @caroldmgs
    setembro 10, 2012

    Eu abri o seu blog e começou a tocar Big Jet Plane do Angus and Julia Stone, sem perceber eu virei expectadora do teu sonho londrino! Que coisa linda Mel, dá muita paz vir aqui, impressionante.

    Responder
  15. setembro 10, 2012

    Que fofo Mel, foi você que escreveu? Eu achei uma história linda! Parabéns, você tem talento!

    Responder
    1. Melina
      setembro 10, 2012

      Obrigada, chuchu *-*
      Fiquei feliz em saber que gostou :D

      Responder
      1. setembro 10, 2012

        Eu gosto de tudo o que você faz Mel, você dá um pouquinho de si em cada coisa e deixa tudo melhor e mas perfeitinho!

        Responder
  16. setembro 10, 2012

    Fiquei confusa com esse post :o

    Responder
    1. setembro 11, 2012

      +1 HUAHUAHUHAUHAUHAU
      mas ficou lindo <3

      Responder
  17. setembro 10, 2012

    MeL que texto lindooo!!!! Amo crônicas, e esta foi realmente criativa. As fotos ficaram ótimas, ainda mais junto do texto. Parabéns MeL, vc devia postar mais textos! Esse sonho foi acordada ou dormindo? hahah, lindo MeL :)

    Responder
  18. Uli Candal
    setembro 10, 2012

    ^^

    Muito legal mesmo Mel, acabei de ver um curta que o Guno me mandou que era nessa linha do realismo fantástico também. Agora com seu post me deu aquela impeto de produzir algo, vamos ver se sai alguma coisa!

    Responder
    1. Melina
      setembro 10, 2012

      Produz e me mostra? *-*
      Quero ver :D
      Ei, vamos pra Londres gravar um curta desse meu conto? Vamos? haha seria mágico!

      ps: fiquei com vontade de ver o curta!

      Responder
  19. setembro 10, 2012

    Você deveria postar contos mais vezes *.*

    Responder
  20. setembro 10, 2012

    Que lindo, Mel! Adorei.. :) bjos

    Responder
  21. setembro 10, 2012

    Lindo! Já posso fingir que tudo isso é real? rs Ainda por cima, em Londres! Ah, Londres…

    Responder
  22. setembro 10, 2012

    Que coisa mais linda Mel *-* Puro amor

    Responder
  23. setembro 10, 2012

    Lindo conto, Mel! Inspirador e doce, como vc *-* Adorei tudo, mas o final foi realmente surpreendente! Parabéns =)

    Responder
  24. Lubiih
    setembro 10, 2012

    Sim, sim!! Já pode ir para Londres e transformar o conto em curta!! Haushaus!
    Muito fofinho e leve, adorei! =)

    Responder
  25. setembro 10, 2012

    Conto amis fofo esse, pin!! Me encantei desde o começo até o final que me surpreendeu e agradou bastante!

    De quebra essas fotos lindas…você é pura inspiração, muita doçura e, como você sabe, mais pessoas também acham isso!❤

    Quero mais contos, mais crônicas, mais vídeos, mais fotos liiiiiindas e muito mais você por aqui!!!!!!! ❤

    Amo você!

    Responder
  26. setembro 10, 2012

    Que lindeza de conto Mel *__*

    Responder
  27. Milena
    setembro 10, 2012

    Lindooo Mel, emocionante :’)

    Responder
  28. Maeli
    setembro 10, 2012

    Nossa Mel, que lindo, tão perfeito (:

    Responder
  29. Jéssica Nóbrega
    setembro 10, 2012

    Consegui imaginar tudo o que você escreveu, você escreve muito bem Mel :)

    Responder
  30. setembro 10, 2012

    que texto mais lindo, você sempre nos encanta com suas palavras. você é linda em tudo que faz, te admiro muito melinda! *-*
    - http://eighteensoon.blogspot.com.br/

    Responder
  31. setembro 10, 2012

    Só tenho uma coisa a dizer Mel: TÁ PERFEEEEEEEEEITOOOO!! *o* Adorei, sério mesmo! Devia escrever mais contos, tenho certeza de que vai arrasar!
    ;*

    Responder
  32. setembro 10, 2012

    Que lindo Mel,eu amei e por mim você pode continuar
    a publicar seus textinhos maravilhosos aqui!
    Beijos

    http://Www.on29thjune.blogspot.com

    Responder
  33. Nathalie
    setembro 10, 2012

    Mel :)
    Espero encontrar mais textos seus aqui. Inspirador.

    Responder
  34. Ketley Paula
    setembro 10, 2012

    Que perfeito Mel! Me encantei muito com esse texto *-*

    Responder
  35. elsa
    setembro 10, 2012

    Muito amor,muito amor mesmo. Parabéns…
    Os sonhos fazem…magia!:)
    Beijinho

    Responder
  36. setembro 10, 2012

    Escrever é uma arte. Lindo conto, Mel!

    Responder
  37. Camila
    setembro 10, 2012

    Mel…muito lindo mesmo! Estou “boquiaberta” até agora rsrs…você escreve muito bem, faz o leitor imaginar cada cena que você descreve, e sempre achei esse talento muito lindo! Parabéns mesmo! Pense que pessoa ingênua que eu sou, ja estava acreditando que era real, e fiquei até assustada, mas parei pra pensar e me toquei…hahaha…bjos

    Responder
  38. setembro 10, 2012

    Mel, gostei tanto do que escreveu!! é ruim acordar de um sonho bom, também sempre tento voltar pros meus sonhos.. raramente da certo!
    Você deveria publicar mais textos, Mel. Adorei o jeito como escreve e cada detalhe também. Dá pra imaginar tudinho! Cria uma categoria pros seus textos!!
    Beijinhos!!

    Responder
  39. setembro 10, 2012

    Que lindo Mel, fiquei simplismente encantada *-*

    Responder
  40. Lu Lacerda
    setembro 11, 2012

    Que encanto Mel, vc escreve muito bem! Adorei!

    Responder
  41. setembro 11, 2012

    Lindo conto Mel. Você coloca uma identidade unica em tudo o que faz, parabéns. Simples e mágico! E o mais legal e que ficou no ar se isso foi real ou apenas um conto! Amei <3

    http://write-aboutit.blogspot.com.br/

    Responder
  42. Mércia Fonseca
    setembro 11, 2012

    Muito lindo! <3

    Responder
  43. setembro 11, 2012

    Anw que lindo, que conto lindo Mel.
    Mãezinha que bela criatividade, imaginação …
    Juro que no finalzinho deu um friozinho no coração
    Amei Amei Amei
    Durante a leitura que eu fazia, imaginava os detalhes … muito lindo’ #Gostei
    Agora, vou dormir mais leve’ êlêlê – depois de um conto maravilhoso de ler.
    Bom… irei divulgar pra todos o conto que mãezinha fez.
    #AbraçosFortes!
    Haaaa, te adoro³

    Responder
  44. Inês M.
    setembro 11, 2012

    Adorei seu conto! Está muito bonito! Parabéns!

    Responder
  45. Alessandra
    setembro 11, 2012

    Sempre quis ver algo assim aqui, Mel! Estou muito feliz com o post, ainda mais porque ficou muito bom ♥

    Continue com essa categoria, okay?
    ;**

    Responder
  46. setembro 11, 2012

    Que lindo, Mel!
    Amei cada detalhe ♥

    Responder
  47. Hannah Montana
    setembro 11, 2012

    Mel, eu não gostei do conto. Achei muito estranho, prefiro quando você posta sobre o seu dia a dia, suas fotos e não essas babozeiras..

    Responder
    1. Melina
      setembro 11, 2012

      Que pena que não gostou, chuchu :/
      Mas fico feliz em saber que gosta dos meus outros posts ;)

      Responder
  48. setembro 11, 2012

    “Andamos sem saber o nosso destino, mas de alguma forma parece que nossos pés sabiam para aonde nos levar.” Que texto lindo Mel, foi você que escreveu ? Quero mais textos seus !

    Responder
    1. Melina
      setembro 11, 2012

      Sim *-* obrigada, chuchu!

      Responder
  49. Thaís Terra
    setembro 11, 2012

    Adorei seu texto Mel!
    Assim como suas fotos…esse texto trabalhou nossa imaginação…
    O meu prazer em ler está na possibilidade de criar a cena…assim que eu comecei a tomar gosto pela leitura…
    Parabéns!
    Beijos!

    Responder
  50. setembro 11, 2012

    Que liindo Mel *-* deu mtt vontade de conhecer Londres depois desse conto haha.. Ameeei (:

    Responder
  51. Luiza
    setembro 11, 2012

    Ammei o conto, de verdade! VocÊ escreve bem, Mel!
    Beijos. Amam cães? http://www.caodleu.wordpress.com

    Responder
  52. Ester Rocha
    setembro 12, 2012

    Que lindo! Tão leve e gostoso de ler, como todo seu blog é. Aqui parece um sonho de verdade, é tão bom quando venho aqui, como se viesse te visitar e tivesse sempre um chá quentinho.

    Responder
  53. Lúcia
    setembro 12, 2012

    Adorei e imaginei cada detalhe.
    Lindo *-*

    Responder
  54. victoria
    setembro 12, 2012

    Amei. Apenas.

    Responder
  55. setembro 13, 2012

    Que lindo Mel, tome mais coragem e publique mais textos. Foi encantador e o final surpreendente, tenho certeza que daria uma belo curta, ainda mais se tivesse o seu estilo. Seria perfeito. Minha mente está dando pulinhos e gritando: publica, publica, publica! Quando eu vi o post pense: “quanta coisa escrita, nem parece a Mel, ai que preguiça de ler” mas resolvi ler, e fui imaginando, me envolvendo, e de repente acabou! E eu fiquei com gosto de quero mais. Bjos

    Responder
  56. setembro 13, 2012

    BAHHHHHHH,EU TIRO O MEU CHAPÉU!
    PERFEITO!!!
    Perfeito é pouco para descrever!!!
    Meu Deus,você é uma excelente escritora!
    Meu Deus,Melzinha como você é talentosa!!!
    É fotógrafa,modelo,desenhista e escritora! :P
    Tantas coisas e você faz tudo com muita maestria!!!
    Beijos,florzinha e muito muito obrigada por compartilhar esse texto conosco

    PS: Se publicar um livro me avise,vou ser a primeira a comprar \õ/

    Responder
  57. Camila Gerarde
    setembro 13, 2012

    Que perfeito Mel, adorei :) você e seus talentos, nos surpreendendo hein!

    Posta mais textos seus, porque esse me fez sonhar…

    Beijos e parabéns!

    Responder
  58. Yasmin
    setembro 15, 2012

    Mel você já fez intercâmbio nhé , então eu gostaria de saber mais como é, gostaria de saber da família da prova para passar,de como foi seu desempenho no vestibular,com quantos anos voc fez intercâmbio, etc, beisoos

    Responder
    1. Melina
      setembro 16, 2012

      Chuchu, eu nunca fiz intercâmbio :/ mas uma colaboradora já fez e vai tirar essas dúvidas no post :*

      Responder
  59. Bianca Zaene
    setembro 28, 2012

    Escreves realmente muito bem Mel. Eu li e reli esse texto, e cada vez que o fiz ele me provocou sensações muito boas :)

    Responder
  60. Irene
    setembro 29, 2012

    Viagem por uns segundos lendo esse post, tipo “Alice no País das Maravilhas”, sabe? você me fez sentir assim….

    Responder
  61. Amanda
    setembro 29, 2012

    Lindo esse texto, também é um sonho para mim ir algum dia a Londres. Deveria escrever coisas assim mais vezes!

    Responder
  62. Melina R Rocha
    outubro 6, 2012

    Nossa o texto é lindo parabéns, foi encantador eu até me imaginei no seu lugar haha. Além dos seus textos suas fotos são incríveis, eu realmente amei. Acho que além de compartilharmos o mesmo nome nós compartilhamos alguns dos mesmo sonho…tipo morrar em Londres, a música, a necessidade de ler livros e a fotografia >.<

    Responder
  63. dezembro 26, 2012

    Que história mágica, Mel :O Isso daria uma bela parte de algum livro, tipo, um livro em que uma guria tivesse o sonho de morar em Londres e tudo mais e tivesse esse sonho. Já pensou em escrever algum livro com essa parte no meio? ^^

    Responder
  64. junho 3, 2013

    Sou fã de escrever/ler contos que o final comprovam o sonho/tão real.Me lembrei de uma história que escrevi faz tempo (mas era de terror”"”").Nem preciso falar que gostei não é?Ambos contos são lindos.Me encantei pela a foto,como você mesmo fala:isso foi um pouco aleatório eu dizer,mas tudo bem.

    Responder
  65. Fabiana Carmelo
    julho 24, 2013

    Que lindo seu texto, fiquei encantada com esse “sonho”
    Parabéns!

    Responder
  66. agosto 19, 2013

    Muito lindo seu texto…parabéns!! o seu trabalhar com as palavras é incrível…mesmo! continue postando flor…e como faço pra participar d seu blog? bjsss!!

    Responder
  67. Laís De Freitas
    setembro 15, 2013

    Simplesmente lindo! <3

    Responder
  68. anna lúcia souza moreira
    novembro 12, 2013

    Anw que lindo!!! quando li tive a impressão de também estar lá…andando com vcs…muito bom…parabéns Melina..”s5″

    Responder

Deixe um comentário