setembro 2012

Posts no mês setembro 2012

25. Set. 2012

look at me: mustard and dogs

Arquivado em: Look at me

(fiquei muito engraçada nessa foto haha)

Essa camisa linda de cachorros foi a única coisa que eu encontrei na Zara em NY que chamou a minha atenção. Tinha outras coisas bonitas por lá, mas nada que me deixou com vontade de comprar. A minha esperança era encontrar um balcão cheio de suéter e cardigã de todas as cores por um preço acessível, maaaas não encontrei nenhum!

♥ Cardigã: H&M ♥ Suéter: Zara ♥ Camisa: Zara ♥ Saia: C&A ♥ Bolsa: Renner ♥ Meia-calça Preta Fio 80: Trifil ♥ Sapatilha: Forever 21 ♥ Colar Torre Eiffel: presente!

xoxo

25. Set. 2012

resultado do sorteio relâmpago: colar london bus

Arquivado em: Concursos

Hora de descobrir quem ganhou o colar London Bus da I ♥ Acessórios. Eu, a Cris, a Ni e a minha mãe queremos agradecer a todos que participaram e que estão ajudando votando. Estamos torcendo muito pra que ela passe pra segunda fase e no final seja escolhida. Imagina só que lindo vai ser ver o rosto dela nas caixinhas de chocolate :D

Ok, chega de suspense!

Parabéns, Kely :) Muito obrigada por ter participado! Por favor, envie o seu endereço para contato@melinasouza.com :)

Pessoal, ainda está valendo o sorteio do kit. Pode preencher o formulário cada vez que votar, certo?

Obrigada por tudo!

xoxo

24. Set. 2012

conceitos básicos de fotografia

Arquivado em: Fotografia

Ontem dediquei algumas horas do dia para responder e-mails e percebi que uma boa parte deles tem perguntas sobre fotografia (aliás, não só e-mails, mas comentários e mensagens em redes sociais). Como o A Series Of Serendipity é um blog que nasceu por causa da fotografia decidi compartilhar um pouco mais da minha experiência e conhecimento nesse mundo aqui. Tudo o que aprendi não foi em curso (nunca fiz curso de fotografia) e sim por experiência mesmo, brincando com a câmera e pegando uma dica aqui e outra ali com meu irmão ou com amigos que trabalham na área.

Bom, pra começar, vou explicar de uma forma simples o que significam algumas palavras que escutamos muito quando se trata de fotografia: DSLR, obturador, velocidade do obturador (tempo de exposição), ISO, abertura e profundidade de campo.

* DSLR (Digital Single-Lens Reflex): nada mais é do que “uma câmera digital que usa um sistema mecânico de espelhos e um pentaprisma para direcionar a luz da lente para um visor óptico na parte traseira da câmera” (sim, a frase foi retirada da wikipédia). Traduzindo: é uma câmera digital que usa apenas uma lente objetiva, diferente da TLR (twins-lens reflex) que usa duas lentes objetivas. Pra vocês entenderem melhor o que é isso, tirei fotos de três câmeras: uma TLR, uma SLR (single-lens reflex) e uma DSLR.

TLR, SLR e DSLR

Tirei as lentes das duas câmeras “single-lens reflex” para vocês conseguirem ver como é por dentro. A diferença das duas é que uma é digital (a canon) e a outra é analógica (a pentax)

* Obturador: é um dispositivo que controla o tempo que o sensor da câmera digital (ou filme da câmera analógica) vai ficar exposto à luz. Sabe aquele botãozinho que clicamos para tirar uma foto? Então, é o botão do obturador. Sabe aquele barulhinho que escutamos quando clicamos nele? É o barulho do obturador fazendo o movimento de “abrir e fechar”.

* Velocidade do obturador: o termo mais correto é “tempo de exposição“. Nós determinamos por quanto tempo tempo que o sensor da câmera digital (ou filme da analógica) ficará exposto à luz ajustando a sua “velocidade”. Na foto abaixo, o número “1/250″ (que seria “um segundo dividido por 250″) é o tempo de exposição. O raciocínio é bem lógico: quanto mais “rápido” (por exemplo 1/1000), menos tempo de exposição e quanto mais “devagar” (por exemplo 1/15 ou 0″3), mais tempo. Isso deve ser determinado com base no ISO e na abertura.

Dica: quanto maior o tempo de exposição (menor velocidade), é mais fácil da foto sair tremida.

Fotografei uma mesma cena com 3 velocidades diferentes (mesmo ISO e mesma abertura):

* Sensibilidade/Velocidade ISO: está relacionado com a medida de sensibilidade da foto. Eu costumava pensar que quanto maior o ISO, melhor a foto, mas com o tempo descobri que não é bem assim. Quando colocamos o ISO muito alto (por exemplo 1600) isso pode aumentar o ruído e a granulação da foto. Como sabemos qual deve ser o ISO ideal para tirar foto em um lugar? Isso depende de alguns fatores como: abertura, tempo de exposição do obturador (velocidade) e iluminação do local.

Fotografei uma mesma cena com diferentes velocidade ISO (mesmo tempo de exposição e mesma abertura):

* Abertura: serve para controlar a quantidade de luz que chegará ao sensor da câmera digital (ou filme da câmera analógica). O dispositivo que controla essa abertura é o diafragma e ele funciona de forma semelhante à pupila dos nossos olhos. Quando estamos em um lugar com pouca iluminação, nossas pupilas ficam “maiores” (mais abertas) para permitir que entre mais luz; quando estamos em um lugar com muita iluminação, nossas pupilas “diminuem” (ficam mais fechadas) para não permitir que entre muita luz. Além da quantidade de luz do ambiente, é necessário calcular a abertura do diafragma levando em consideração o ISO e o tempo de exposição (velocidade).

O F10 na foto acima é a abertura (quanto maior o número, menor a abertura)

A abertura está relacionada com a profundidade de campo: quanto menor a abertura, maior a profundidade.

Pouca profundidade

Abertura menor, maior profundidade

Hora de começar a brincar de conhecer melhor a câmera e usar o modo manual pra fotografar! 

E aí, consegui explicar bem? Alguma dúvida?

xoxo