outubro 2012

Posts no mês outubro 2012

27. Out. 2012

Guia Intercâmbio

Ei :)

Pessoal, adorei a quantidade de questionamentos que recebi na última vez em que estive aqui e resolvi dividir o post de resposta em três partes:

1. Pré Intercâmbio

2. Durante o Intercâmbio

3. Pós Intercâmbio

Portanto, hoje vamos lá com o passo-a-passo de um Pré-Intercâmbio:

1. Como convencer meus pais?

Pergunta MUITO frequente para quem decide fazer um intercâmbio!

No meu caso, meu pai queria que eu fizesse intercâmbio desde quando eu tinha 10 anos. Minha mãe, apesar de saber que ficaria com saudade, me apoiou, e assim eu não precisei convencer ninguém. Mas eu sei que nem todos os pais são assim, por isso separei algumas dicas:

Primeiro, tente explicar que um intercâmbio é uma chance única de aprendizado. Além de ser uma coisa muito boa pra sua carreira profissional, é uma experiência de vida. Lá você aprende a ser uma pessoa mais responsável e decidida.

Sem poder contar com a ajuda dos pais, você decide por si, aprendendo as consequências de seus atos.

Segundo,  intercâmbio é uma experiencia cultural que irá enriquecer a sua vida. Lidar com pessoas de outros países, culturas… é tudo diferente. Abre seu caminho para coisas novas, e ajuda a ter uma opinião diversificada sobre muitos assuntos.

Terceiro, imagina se fosse um intercâmbio há 15 anos: sem internet, apenas utilizando telefone (Caaaaaaaro!) e cartas (Demoooooora!)? Se naquele tempo muitas pessoas foram e conseguiram matar a saudade, por que você, com a internet, não conseguiria? ;)

Lidar com os pais é questão de paciência. É puxar um pouquinho ali, outra coisa lá e você consegue :P

2. Qual programa escolher?

Há vários progamas para estudar fora. Alguns deles são:

  • Curso de Idioma: Aquele básico de três a quatro semanas. Você  pode escolher se prefere ficar em casa de família ou nos dormitórios da escola.

Esse programa se divide em subcategorias como curso pra adolescentes, curso para idosos, curso preparatórios, entre outros. Vai de acordo com o que você busca :)

(Meus pais fizeram um desse em Toronto – se quiserem que eu conte a história ou aprofunde um pouquinho mais, é só pedir :) ).

  • High School: Você passa de seis a um ano no país – podendo estender. O detalhe desse é que é preciso ter até 18 anos para participar! Como tem uma duração maior, permite que você se aprofunde em uma nova cultura. Você vai se tornar um estudante local e dependendo da cidade em que escolher, vai fazer muitas amizades com estrangeiros.
  • Curso técnico: Esse é bom para quando você domina bem a língua, mas quer estudar no exterior fazendo um curso extra na área em que estuda/trabalha. Tem uma série bem maior de requisitos.
  • Graduação/Pós-Graduação: Neste você tem a oportunidade de estudar numa universidade local. Assim, além da experiência e do aprendizado da língua, você ganha uma grande valorização no trabalho de mercado. Muitas universidades pedem o TOEFL (um teste para ver se você é fluente no idioma).

Se quiserem uma explicação detalhada dos cursos, pode comentar e eu faço!

3. Qual agência escolher?

Bom, eu fiz uma pesquisa entre as agências mais conhecidas aqui na minha cidade (São Paulo) e logo depois visitei uma por uma. Como não queria gastar muito, acabei optando pela agência CI – Central do Intercâmbio.

Na hora de fechar com uma agência, pesquise! Preços, recomendações, comentários, críticas. Corra atrás!

Também é uma boa ideia fazer uma lista do que você procura em uma agência :)

4. Escolhi a empresa. Como funciona todo o processo?

Vou contar o que eu passei, ok?

Geralmente, as empresas pedem um teste de inglês para avaliar se você tem ou não condições de se virar fora. O meu caso não foi diferente, marquei um teste na CI que (juro) não me lembro quantas questões tinha. Passei com uma pontuação boa, o que me surpreendeu…

Antes de decidir na CI, eu fiz outro teste numa outra agência. Pelas duas, é necessário um nível do básico pro intermediário. :)

Caso não dê certo, não desanime! Estude pra chegar lá :)

5. Precisa fazer um curso de inglês antes?

Eu posso dizer que é “obrigatório”: conheci gente que aprendeu um pouco de inglês sozinha e, sem ajuda de uma escola, passou no teste e se virou bem fora ;) Mas caso queiram saber, eu fiz um ano de Cultura Inglesa, só.

6. Documentação?

Dependendo de onde você for, você vai precisar do passaporte e de um visto de estudante de múltiplas ou única entrada. Além disso, precisa da autorização dos pais para morar e viajar pra fora; da cópia da carteirinha de vacinação; certidão de nascimento e RG. Mas cada agência segue uma conduta, portanto ela te passará direitinho tudo o que precisa levar.

No meu caso, como eu fiz High School, precisei do meu histórico escolar dos últimos três anos. No caso, não pode ter repetido nesse período e nem ter tirado notas muito ruins ;).

Por hoje é isso, pessoal! Ainda tenho coisas para falar, mas esse post já está ENORME. Na próxima semana explicarei o Pré-Embarque e os primeiros dias fora. :)

Antes de ir, eu preciso postar o que eu recebi da minha Host Mom :)! É de emocionar, sinto saudades de lá todos os dias :( ♥ :

“CAROL!!!!! I’m the worst host mom EVER ! I forgot it was your birthday on Friday. Happy Belated Birthday!!! I hope you had a great day. Today Ethan and I had cut out pictures of things he’s thankful for (it was his homework for school) he cut the picture of you and the boys on Canada day. He said “I’m thankful for my brothers and sister”. Then he hugged the picture and said. “Oh Carol!” He misses you. It was so cute.” Meu Deus, me leva de volta?

27. Out. 2012

algo que me deixou chateada

Arquivado em: Aleatoriedades

Honestidade é o primeiro capítulo do livro da sabedoria” (Thomas Jefferson)

Ontem aconteceu uma coisa que me deixou muito chateada e que me ensinou algo, por isso decidi compartilhar com vocês.

Logo após ter lançado o post com os cinco ganhadores dos promocodes do Lumiè, recebi um e-mail de uma das “ganhadoras” solicitando o prêmio. Respondi, mas senti algo estranho, pois depois de ter enviado notei que o nome dela estava com a letra errada no final (ao invés de Yasmin estava Yasmim). Fiquei desconfiada, fui conferir e me senti enganada, pois percebi que alguém tinha criado uma conta falsa de e-mail para roubar o prêmio de quem realmente o ganhou (para ficar o mais parecido possível com o original ela colocou um “i” a mais no endereço: yasmin-sandrinii@xxx). Sim, isso que essa pessoa fez é roubo! E o pior é que logo depois que eu enviei o promocode ela me mandou o seguinte e-mail: “Você poderia me mandar mais códigos, como camera +? não consigo comprar e ele é o meu sonho :( desculpa está falando, mesmo :(”

Além de passar por outra pessoa e roubar o prêmio ainda tem coragem de me pedir mais coisas “de presente”? Como assim? E por acaso pra realizar os seus sonhos você não se importa em enganar os outros? Lamentável e vergonhoso! Isso me deixou muito triste e chateada porque eu não tenho o costume de pensar no lado mal das pessoas, sabe? Nunca tinha passado pela minha cabeça que alguém, independente da idade, poderia fazer algo desse tipo. Isso me deixou mais esperta, pois sempre irei conferir letra-por-letra de cada e-mail que eu receber referente a algum sorteio. Imagina só se, por exemplo, alguém cria um e-mail semelhante ao de um ganhador de outro sorteio aqui no blog, me escreve com o endereço e o prêmio é enviado pra impostora? É triste pensar assim, mas agora eu sei que tem esse risco e quis alertar vocês, pois sei que muitos leitores do A Series Of Serendipity têm blogs e fazem sorteio.

Felizmente eu conversei com a Fabrícia e com o Paulo e eles foram muito queridos e mandaram mais um promocode para que eu pudesse enviar para a verdadeira Yasmin Sandrini e tudo acabou bem :) (obrigada)

Agora eu realmente espero que a pessoa que fez isso sinta muita, mas MUITA vergonha do que fez e pense se gostaria que alguém fizesse isso com ela. Independente do valor do prêmio isso é roubo. Se gostaria que alguém roubasse um prêmio que fosse dela (como fez com a Yasmin) e se gostaria de alguém a fizesse de boba (como fez comigo). Se colocar no lugar dos outros nos ajuda a não fazer coisas erradas como essa. Pense nisso todas as vezes que você for usar o Lumiè ou qualquer outra coisa que você tenha “ganho” de maneira injusta.

Ufa! Esse post serviu como um desabafo. Eu realmente fiquei MUITO chateada com a situação!

EDITADO: A pessoa entrou em contato comigo e pediu desculpa. Disse que ficou bem envergonhada com o que fez e que não vai mais fazer!

Obrigada pelo carinho, pessoal

xoxo

26. Out. 2012

resultado do sorteio: promo code lumiè!

Arquivado em: Concursos

Chegou o dia de saber quem são as 5 pessoas sortudas que ganharam os promo codes do aplicativo Lumiè. Mas antes quero aproveitar para agradecer ao Paulo e a Fabrícia por terem cedido esses 5 promo codes pra vocês :)

* Vitor Cesar de Souza *

* Mariana Valente *

* Eliza Sant’Anna *

* Beatriz Santos Corrêa *

* Yasmin Sandrini *

Parabéns, chuchus! Por favor enviem um e-mail para contato@melinasouza.com para que eu passe o promo code de vocês! Espero que vocês aproveitem bastante o Lumiè e deixem as fotos de vocês ainda mais bonitas :)

Obrigada a todos que participaram!

xoxo