IMG_5909
Books

A Livraria 24 Horas do Mr. Penumbra (Robin Sloan)

17.04.2014

IMG_5908

Não é todo dia que vemos um livro com a palavra “livraria” no título. Some isso ao belo e sombrio projeto gráfico e você terá uma obra que dificilmente vai ser ignorada por quem adora ler ou passar horas a fio numa livraria.

A história é bastante simples: pressionado pelas contas a pagar, o webdesigner Clay Jannon aceita um emprego na livraria do Mr. Penumbra. Pequena, escura e lotada de história, a livraria é frequentada por gente esquisita, aparentemente empenhada em decifrar um enigma. Jannon resolve investigar (já que tem bastante tempo livre, por causa da pouca clientela), e logo começa a entender o que o Mr. Penumbra e os estranhos frequetadores da livraria estão escondendo.

IMG_5909

Os personagens são carismáticos, a narrativa é fluida e as várias referências a elementos do mundo real (equipamentos, sites, marcas, programas de computador, lugares) dão um toque muito interessante ao livro, e fazem o leitor se perguntar se não haveria um fundo de verdade na história.

IMG_5907

A diagramação é simples e favorece a leitura, e os títulos dos capítulos, sempre baseados em alguma sentença ou palavra usada nele, deixa o leitor curioso para saber o que há pela frente.

Especialmente recomendado para quem gosta de mistério, mas quer uma leitura leve.

IMG_5906

Aperitivos

“Quando vejo Penumbra de manhã, se apareceu um cliente, ele me pergunta a respeito. Leio um pouco do diário e ele acena com a cabeça em aprovação aos meus registros. Mas depois, ele analisa com maior profundidade.
– Uma descrição respeitosa do Mr. Tyndall – diz. – Mas diga-me, lembra se os botões do casaco dele eram de madrepérola? Eram de osso? De algum tipo de metal? De cobre?
Tudo bem, parece mesmo estranho esse dossiê mantido pelo Penumbra. Não consigo pensar num objetivo para isso, nem num propósito nefasto. Mas quando as pessoas passam de certa idade, você meio que para de perguntar a elas por que fazem as coisas. Parece perigoso. E se você disser: ‘Então, Penumbra, por que quer saber sobre os botões do casaco do Mr. Tyndall?’, e ele parar, coçar o queixo, rolar um silêncio constrangedor, e nós dois nos dermos conta de que ele não consegue se lembrar?
E se ele me demitir no ato?
Penumbra faz exatamente o que aconselha, e a mensagem é bem clara: faça seu trabalho e não faça perguntas. Meu amigo Aaron acabou de ser demitido na semana passada e vai voltar a morar com os pais em Sacramento. Nesse ambiente econômico, prefiro não testar os limites de Penumbra. Preciso desse emprego.
Os botões do Mr. Tyndall eram de jade.”

IMG_5904

ISBN 9788581630236 Editora Novo Conceito Nota 4/5 Páginas 288

Quem quiser me acompanhar em outras redes, é só seguir: Twitter ✎ Facebook ✎ Instagram  Tumblr  Youtube (Novo)

Youtube  Instagram ❤ Twitter ❤ Facebook ❤ Bloglovin’ ❤ Pinterest ❤ Tumblr ❤ Goodreads  Flickr

 

Por

Gui

  1. Raquel Farias says:

    Caraca,fiquei na vontade de ler esse livro agora haha

  2. Comprei justamente por causa do título. hahaha

    Eu achei bem leve mesmo a leitura, esperava que fosse mais sombria pelo nome, mas gostei bastante. Fiz resenha no meu blog também, já faz um tempinho.

  3. Oi Gui! ♥
    Eu senti falta de saber mais sobre seus sentimentos sobre o livro. O que você achou enquanto estava lendo e o que a leitura provoca.
    Como quem leu o livro para o blog, não foi eu… não sei muito sobre ele. Fiquei interessada agora.
    As fotos ficaram lindas!

    Beijos.

    • Gui says:

      ♥ Oi, Anna!

      Na hora não me ocorreu incluir esse aspecto na resenha, mas teria sido uma boa! Vou aproveitar o gancho e lhe contar: me senti envolvido, como se fizesse parte da “equipe de busca”, e curioso pra saber o que havia pela frente! O tipo de sentimento que o autor queria provocar, imagino ;)

      :*

  4. Gostei da resenha, de verdade. Tanto que o livro acaba de ir para minha lista crescente de livros a ler…

  5. Adorei, Gui, você sabe o quanto eu gosto de suspense mas que sejam leves e sem nadinha de terror…esse parece ser exatamente do tipo que eu gosto!

    As fotos estão lindas e, mais uma vez, sua resenha está perfeita, revelando só o necessário pra explicar do que se trata…nunca me decepcionei com as suas indicações, opiniões sinceras e um texto que vai fluindo e nos envolvendo sem que a gente perceba!

    Beijinhos

  6. Lila Fontes says:

    Tarefa impossível ler uma resenha sua sem ficar com vontade de ler o livro, você manda muito bem e demonstra que domina o assunto.
    Gui você não vai acreditar mas uma amiga quis me emprestar esse livro e eu não me interessei agora vou correndo atrás hehe vou preparada pra zoação mas vai valer a leitura.
    Beijos

  7. Belle says:

    Adorei, Gui!

    Vai pra minha Wishlist (que já nem é grande rsrs), gosto de livros diferentes e esse me chamou a atenção.

    A capa é linda também! Ah, amo seus Funkos n_n

    Beijos!
    http://devoradoradelivros.com

  8. Oi Gui!fiquei com vontade de ler esse livro agora,mas minha lista de livros está enorme,e eu ainda não tenho esse livro..(Tem um e-book dele no meu tablet,mas eu odeio ler ebooks no meu tablet,nunca li um,só gibis do the walking dead)espero que em breve eu leia ele,abraços,de seu amigo,Rodrigo.

  9. Carol Lima says:

    Nossa, essa resenha me deu uma vontade enorme de ler o livro! Gostaria de já estar com ele e começar a ler agora mesmo… Adorei! Seus posts de resenha e sketchs são sempre maravilhosos! Parabéns! Beijos…

  10. Já procurei e coloquei no carrinho, mesmo tendo comprado 12 e com 15 em casa na fila pra ler. Normal né? rsrsrsr

    Gostei muito!

  11. Sammy says:

    Parece ser um livro bem legal, estou louca pra receber pra aumentar minha prateleira de livros <3 haha
    O que mais me chamou a atenção foi essa capa, lindíssimaaaa

    ~Chu, Sammy
    http://omundodesammy.blogspot.com.br

  12. Sara says:

    Quero ler esse livro há um bom tempo!!
    (lembro o que me chamou atenção, primeiramente, foi a palavra livraria no título, rs)
    Sua resenha (e o aperitivo também ueheh)me deu mais vontade de ler, heuhueh :)
    Kissus


Deixe seu comentário