Books

O oceano no fim do caminho (Neil Gaiman)

26.08.2015

O Oceano No Fim Do Caminho

Podem se preparar porque vai nevar no Brasil inteiro: finalmente estou resenhando O oceano no fim do caminho, o primeiro livro que li no meu Kobo e um dos últimos livros que li em 2014 (sim, ano passado). Eu deveria ter vergonha de falar isso, mas a verdade é que estou muito feliz porque com esse post estou riscando mais um item da minha lista de pendências hehe

O Oceano no Fim do Caminho

Como disse ali em cima, esse foi o primeiro livro que li no Kobo, mas vou falar sobre a minha experiência com o e-reader na semana que vem (sim, estou querendo riscar esse item da lista de pendências também) então hoje irei focar apenas na história.

O oceano no fim do caminho

A história se passa em Sussex, na minha ~amada~ Inglaterra, com o protagonista já de meia-idade indo a um funeral na casa onde passou parte da sua infância. Por algum motivo, ele decide seguir por uma estrada que conheceu bem quando criança e que levava para a fazenda das mulheres Hempstock, onde, há muitos anos, morava sua amiga Lettie Hempstock. Ao chegar lá, é recebido pela mãe de Lettie e pergunta se pode ver o lago que fica no fundo da fazenda e que, décadas atrás, sua amiga o apresentou como seu Oceano. Fazia muito tempo que ele não pensava nessa época de sua vida, mas foi só sentar à beira do lago/oceano, que as memórias que estavam esquecidas voltam de repente.

Livro O oceano no fim do caminho

Somos transportados para um mundo mágico, com seres extraordinários, assustadores e interessantes ao mesmo tempo: a infância do protagonista (e não só a dele, porque se pararmos pra pensar, conseguimos encontrar todos esses elementos nas nossas próprias infâncias). Quem conhece o Neil Gaiman sabe que ele é ótimo em criar uma atmosfera sombria e envolvente. Ao mesmo tempo em que eu ficava com medo, não conseguia nem pensar em fechar o livro até saber o que iria acontecer (foi o mesmo com Coraline).

O Oceano No Fim Do Caminho

Suas lembranças voltam para algo que aconteceu há 40 anos, quando ele tinha 7: um minerador de opala que tinha alugado um quarto na casa de seus pais, cometeu suicídio dentro do carro de seus pais no fim da estrada. Essa morte desencadeou uma série de fenômenos inimagináveis e fez com que ele buscasse refúgio na fazenda Hempstock, onde morava Lettie, que prometeu protegê-lo não importava o que pudesse acontecer.

Não vou falar muito mais para não estragar a surpresa, mas coisas mágicas, assustadoras e curiosas acontecem no melhor estilo Neil Gaiman possível.

Kobo com o livro O oceano no fim do caminho

O livro me prendeu de uma forma que eu dormia com o Kobo nas minhas mãos, acordava assustada no meio da noite ao perceber e voltava a ler até meus olhos não aguentarem mais. Fiquei fascinada com todo o universo criado por ele. Recomendo para quem quiser conhecer o trabalho dele e, óbvio, para quem já conhece.

O oceano no fim do caminho

Além da história incrível, algo que me fez gostar ainda mais do livro é que a foto da contracapa é do próprio Neil Gaiman. Achei essa foto incrível e senti que ela combinou muito com a atmosfera da história. Queria ler mais informações sobre essa foto pra falar mais pra vocês, mas não consegui encontrar mais detalhes sobre ela.

O oceano no fim do caminho

Ganhei a versão física de presente da Vick e achei ela muito bonita. A Editora Intrínseca usou a mesma capa que uma das edições gringas (acho que a primeira lançada), as páginas são amareladas e a diagramação está ótima. Só aumentaria um pouquinho o tamanho da fonte, mas a história é tão envolvente que acho que isso nem atrapalha a leitura nesse caso.

O oceano no fim do caminho

Gostei muito da versão dele em e-book e, pelo que me lembro, não tenho nada para reclamar hehe Aliás, fico muito feliz de ter escolhido O oceano no fim do caminho para começar a me aventurar pelo mundo dos e-readers/e-books.

O oceano no fim do caminho

Quem aí já leu? O que achou? Quem ficou com vontade de reler? (eu fiquei!)

Obrigada por tudo, pessoal!

xoxo

Youtube ❤ Instagram ❤ Twitter ❤ Facebook ❤ Bloglovin’ ❤ Pinterest ❤ Tumblr ❤ Goodreads  Flickr

Por

Melina

  1. Thaisa says:

    Oi Mel!

    Esse foi o primeiro livro em inglês que eu li na minha vida, e amei! O Neil realmente soube fazer a gente se prender na história. Tive um pouquinho de dificuldade, afinal ele usa muuuitos adjetivos e algumas palavras meio em desuso, mas foi muito bom!

    Só gostaria de te perguntar algo. Onde eu posso comprar livros em inglês que não seja daquele papel jornal? Você sabe?

    Parabéns pelo blog!

    Beijos

  2. Mayse Silva says:

    Finalmente Mel *-* Eu amei esse livro e me senti exatamente como você, ao mesmo tempo que a história me assustava eu não conseguia parar de ler. Neil Gaiman é incrível, simplesmente incrível e este livro é maravilhoso.

  3. Duda Araújo says:

    Agora fiquei morrendo de vontade de ler esse livro! Pena que só posso ler qualquer livro que não seja da escola depois de outubro :(

    Beijinho! :*

  4. Ísis says:

    Oi Mel ❤️ entre os livros que eu comprei em NY (e to lendo tudo junto! haha) está Coraline, que eu to adorando ❤️ Neil Gaiman me lembra do estilo Tim Burton que eu amo! (Stop Motion fofinhoss ❤️) então já viu né? Hahaha ❤️
    Beijinhos :*

  5. Letícia says:

    Oi Mel! Adorei a resenha e as fotos. Esse é um dos meus livros preferidos. As primeiras coisas que fizeram eu me apaixonar por ele foram a capa e a contra-capa, são sensacionais, depois li o resumo e ai tive que comprá-lo, né? hehe. Amo a história e seus personagens, principalmente a Lettie. Fiquei muito feliz em saber que você também gostou. Um beijo! Adoro seu blog! <3

    Fiz resenha sobre ele no meu blog, se você tiver um tempinho pra ler… http://putsmeufone.blogspot.com.br/2015/04/o-oceano-no-fim-do-caminho-neil-gaiman.html

  6. Adriana Maria says:

    Oi Mel

    Li esse livro ha pouco tempo e poxa nao gostei. Mas nao vou desistir do Neil Gaiman so que os elementos fantasticos desse livro me perderam…E minha infância nao é um lugar que eu volte sempre nao que seja muuuito triste mas nao acontecia nada, eu ia pra escola, voltava e dormia ate a hora que minha mae chegava em casa. Sempre fui so eu e mama e como nao tinha ngm pra “me olhar” comecei a ficar sozinha a partir dos 7 anos…

    Vou tentar Coraline e Sadman que é uma HQ q a Tati fala bastante.

    Engracado que enqnto eu estava lendo encontrei o Danilo do Cabine Literaria, conversamos um pouco sobre o livro e ate vi alguns videos explicando os elementos fantasticos mas nao rolou…

    Nao sabia que essa foto foi o Neil quem tirou, achei ela muito bonita! (:

  7. Renata says:

    Melzita, eu adoro quando leio resenhas desse livro pois me encantou… As vezes eu o pego na minha estante só para ficar olhando essa foto de trás do livro, tem algo nela que te captura mesmo.
    Quando eu leio um livro que eu gosto muito eu tenho ciúmes, o que é bem infantil da minha parte, mas com esse tudo que eu queria era falar e divulgar, acho que mudou minha vida. Fico muito feliz mesmo que você tenha gostado.
    E se quiser conversar mais sobre ele eu estou aqui super super disponivel pois até hoje só meu namorado quis ouvir minhas ideias loucas sobre ele e ai, nem tenho palavras pra dizer o quanto amo esse livro.

    E mel, adoro você e seu blog, eu sei que pode parecer meio vazio vindo de alguém que você não conhece, mas acho que é o que acontece na vida das blogueiras, os leitores criam empatia. Mas não precisamos te conhecer tim tim por tim tim para perceber que você é uma pessoa iluminada. Fique bem.
    Beijos :)

    • Melina says:

      Agora que escrevi essa resenha, minha vontade de reler o livro aumentou ainda mais. Gostei da sua ideia de conversar sobre ele. Quando conseguir reler, vou avisar lá no meu facebook pra ver se você ou mais alguém quer conversar sobre ele ♥

      Ei, claro que não parece vazio. Saber disso me deixa muito feliz ♥ eu consigo sentir o carinho em cada comentário que recebo e isso me motiva a sempre continuar com o meu trabalho :) E posso te garantir que com o tempo (e com a frequência de comentários/interações) acabo lembrando dos leitores pelo nome e pela fotinho :P e até sinto como se fizessem parte do meu dia-a-dia pessoalmente, sabe? :)

      :* e obrigada pelo carinho

  8. Valentina says:

    Nossa Mel que vontade de ler esse livro agoraaa!! :P
    Adorei a resenha parabéns,ah e não pude deixar de notar o vasinhos de regador que você colocou sua suculenta.De onde é?
    Beijosss :*

  9. Helena says:

    Amei a resenha, nunca li nada desse autor e não sei como isso aconteceu porque eu amo livros assim. Esse livro vai agora para a minha lista de desejos! Muito obrigada pela dica!
    Abração,
    http://toxicmay.com/

  10. Laura Rodrigues says:

    Eu li! Ganhei de aniversário do meu namorado, li muito rápido e fiquei apaixonada! Eu não sei nem explicar por que gostei tanto, apenas foi uma leitura maravilhosa e eu fiquei muito empolgada, quero muito mais livros assim! Você sabe se tem outros dele nesse estilo, ou só Coraline?
    Beijos!

  11. Adeeh Mello says:

    Fiquei com muuuuuita vontade de ler agora, até anotei o nome do livro e autor aqui, e vou dar uma procurada agora correndo pra ir comprar. Beijos!

    Blog Sorriso de Vida, clique e saiba mais!

  12. Tatiana Nais says:

    Nunca tinha lido nada do Neil Gaiman, mas não me arrependi nada de ter lido esse. No começo eu achava que não ia gostar, mas chegou uma hora que o livro me prendeu de uma forma que eu não conseguia parar de ler! Gostei demais. <3 Um beijo!

  13. Suellen de Oliveira says:

    Já li, se não me engano no final de 2013.
    Lembro que comecei a ler durante a noite e fiquei com medo, não conseguia dormir.
    Nunca um livro havia me deixado assim, até mesmo porque eu não leio histórias de terror, sou medrosa.
    Mais o livro é muito bom mesmo, é lindo, a sensação de leitura é ótima.

    Bjos Mel ;*

  14. Pam says:

    Esse livro me prendeu tanto que cheguei a sonhar com os personagens kkkk e me fez ter vontade de ler todos os livros do Neil, bom saber que Coraline é o mesmo estilo!
    :*

  15. Maisa says:

    Oi Mel, não tinha ouvido falar sobre este livro, mas eu ameeei *-* amo livros assim: envolventes, fantástico. Mais um livro para minha listinha de leitura ♥ Beijos Mel, você é linda!

    http://emplenametamorfose.blogspot.com.br/

  16. Rafaela Viana says:

    Lindas fotos Mel, adoro seus vídeos do Book Haul e as suas dicas literárias ! <3 Beijos de carinho

  17. Estou muito apaixonada pelas suas fotos e pelo livro Mel!! Já ouvi muito sobre ele e sempre tive vontade de ler! A capa e a contracapa são maravilhosas, amei muito. Agora que li sua resenha fiquei mais curiosa ainda pra ler. Fico com muita vergonha de mim mesma quando lembro que ainda não li nada do Neil Gaiman hahaah, acho que vou começar por esse :) Te adoro muito Mel! ❤❤❤ P.S: E parabéns de novo pelas fotos lindas!! P.S-2 : Preciso muito, muito, muito te pedir um favor Mel!!!

  18. Flávia Caroline says:

    Obrigada Mel, sempre gosto muito das suas resenhas.
    Muito interessante, vai entrar para minha lista de livros que quero ler :)
    A capa realmente é muito linda.

    Mel, queria saber se você irá na bienal do livro do RJ
    e se terá o lançamento do seu livro tbm.

    beijinhos *-*

  19. Rodrigo says:

    Amei a Resenha e sempre fui fã do Neil Gaiman apesar de não ter lido nenhum livro dele ainda (mais por causa dos episódios incríveis de Doctor Who dirigidos por ele *_*) e eu nunca tinha pensado que a história desse livro seja tão envolvente,e gostaria de dizer que suas fotos estão lindas e incríveis com esse ar tão Clean <3 Beijos e abraços.
    *fosterjam.blogspot.com

  20. Ananda says:

    Mel, não li todos os comentários pra saber se alguém já falou, mas esse livro, Neil diz ser o mais auto-biográfico que ele já escreveu (estranho, né? mas é). Aparentemente, ele tinha esse hábito de fugir pelos canos da casa, e essa foto foi a irmã dele que tirou uma vez numa das escapadas. Esse livro é maravilhoso, preciso ler de novo <3

    • Melina says:

      Eu li sobre isso também ♥ (ninguém comentou sobre isso aqui nos comentários)
      Yay! Obrigada por ter me contato mais sobre a foto ♥ pesquisei sobre ela e não achei nada :/ só sabia que era dele (não tinha certeza se era tirada por ele ou com ele na foto [mas desconfiava mais nessa segunda opção])
      Quero reler também ♥

  21. Vanessa says:

    Mel, já estava ficando com saudades de ler suas resenhas… ^^
    Nunca li nada do Neil Gaiman, mas falam tão bem desse autor, que fiquei curiosa para ler algum livro dele. A capa e o nome deste me deixaram bastante curiosa, vamos ver se agora eu crio coragem!hehe
    A propósito Mel, o seu entusiasmo pelos livros que vc resenha é tão contagiante, que fico com vontade de começar a ler o livro na mesma hora! <3

    Beijos :**

  22. Lorrene says:

    Esse livro prende, tenho a versão kindle (abraços a Intrínseca que coloca livros em português na loja US da Amazon <3). Cada folguinha eu pegava para ler, mas o que me segurou de inicio eram aqueles trechos que o narrador fala da sua paixão pelos livros, dos momentos de leitura, que os outros não entendem. Isso foi de uma sensibilidade linda, que só Gaiman para fazer.

    Off-topic: como você concilia a compra de livros físicos e ebooks? Ontem eu me segurei para não comprar Deuses Americanos impresso na livraria pois lembrei que tem uma edição ebook inglês mais completa, com um novo capítulo, mas precisei me segurar muito. E ainda quando editoras pegam e fazem edições como essa? http://www.martinclaret.com.br/index.php/sherlock-holmes-volume-ii-contos/

  23. Erica says:

    Mel, voce conhece/tem uma conta no Skoob? é uma rede social de livros. Voce pode marcar os que voce ja leu/quer ler/tem, etc. Super recomendo se voce nao tiver :) Alem de ser super util pra gente ver as suas recomendacoes de livro haha

  24. Eduarda says:

    Mel, li esse livro no ano passado também. Foi o primeiro livro do Neil Gaiman que li e fiquei muito encantada com a escrita e a forma como ele desenvolveu tudo. Se tornou tanto o meu livro favorito quanto o meu autor favorito. Me deixou com muita vontade de ler TUDO que ele já escreveu. Semana passada eu estava justamente pensando em reler de tanto que gostei <3

  25. Eu tenho um amor eterno por esse livro, é um dos meus favoritos da vida. O Neil Gaiman é sensacional, foi meu primeiro contato com ele e sou apaixonada pelas obras do autor desde então. É incrível a sensação que esse livro dá, sei lá, é um medo meio diferente, não é forçado e arrepia de um jeito viciante HAUHAH Acho demais essa história e o final, apesar de ter me deixado com gosto de quero mais. Não sabia que a foto é do Neil Gaiman, uau!! <3

  26. Fêh Zenatto says:

    Comprei esse livro há bastante tempo e, apesar da história e estilo me intrigarem muito, ainda não consegui tempo para ler ele.
    Já me falaram maravilhas e sempre que olho, tenho vontade de pegar ele pra ler. Espero que não demore!

    Beijos, Mel.

    Blog Coisa e tal
    Facebook | Twitter | Instagram

  27. Joana Louise says:

    Simplesmente adorável.. sou fascinada por Neil Gaiman desde sempre que me lembre hehe e meu favorito dele com certeza é Coraline, não tem como não amar, simplesmente perfeito, estou lendo esse livro só agora e penso “porque levei tanto tempo pra ler esse livro mesmo?!” achando ele adoravelmente tranquilo, não curto muito livros massantes e acho esse uma delicia de ler, tô no finzinho já e já dou 5 estrelas pra ele huehue.

    Beijos Mel.. adorei a resenha como sempre ;)

    Ps.:Por sinal estou lendo ao mesmo tempo uma recomendação sua que é o Amanhã Você Vai Entender e estou adorando.. obrigada pela dica moça!! ♥

  28. Morro de vontade de ler algo no Gaiman, mas nunca sei por onde começar e por isso adiando, pelo seu post acho que O oceano no fim do caminho pode ser um bom começo.
    Beijo, até a próxima


Deixe seu comentário