Resident Evil
Entertainment

20 anos de Resident Evil

22.03.2016

Resident Evil

Hoje temos mais um post relacionado ao mundo dos video-games! E dessa vez não se trata de jogo “bonitinho” – como foi o post sobre Pokémon -, mas sim de um survivor horrorResident Evil.

Hoje é celebrado – para alguns que jogaram quando criança, não, pois provavelmente tiveram medo ou pesadelos com o jogo – o vigésimo aniversário de Resident Evil – ou de Biohazard como era conhecido no Japão -, lançado oficialmente no dia 22 de março de 1996 para o PlayStation no Japão.

Capcpm

O jogo foi desenvolvido e lançado oficialmente pela Capcom – se você já jogou Mega Man ou Street Fighter deve conhecê-la -, e é o primeiro jogo das séries de R.E.

Aparentemente, a Capcom pretendia fazer um remake de um jogo de psychological horror lançado em 1989 chamado Sweet Home – jogo desenvolvido e lançado também por ela -, porém a partir de uma certa etapa, esse projeto acabou sofrendo mudanças e se tornou o Resident Evil (Biohazard).

O criador, Shinji Mikami, buscou influências quanto ao design do jogo num outro jogo chamado Alone in the Dark ( jogo divertido também) e buscou referências de cenário no filme de Stanley Kubrick – O Iluminado -, de 1980, por exemplo. O jogo recebeu boas críticas, e ainda é tratado por alguns como o precursor dessa categoria – survivor horror – de jogos.

Resident Evil

O gameplay do jogo se desenvolve em terceira pessoa, com o jogador podendo controlar a Jill Valentine ou o Chris Redfield, ambos membros de uma força especial tática, S.T.A.R.S., e tendo que resolver muitos enigmas, matar zumbis – ou fugir, pois você gastou a pouca munição que tinha num único zumbi de medo hahaha -, explorar o cenário todo – ou seja, uma mansão GIGANTESCA com atmosfera sombria e introspectiva (?) -, e gerenciar o inventário de itens – que se você estiver escolhido o Chris pra jogar, terá somente 6 slots de espaço e a Jill com 8 slots para poder guardar e carregar coisas -.

Resident Evil

Resident Evil

Resident Evil não é só susto e medo (como o Silent Hill  ou Fatal Frame, esses sim, jogos de dar medo), ele também é um jogo de ação, e por isso ele não te deixa tenso o tempo todo – alguns podem discordar disso hahah -. Enfim, agora é só jogar um pouco, né?

Resident Evil

Ah, sim! Precisamos contar um pouco do roteiro do jogo. O jogo começa com os membros do time Alpha sendo enviados para investigar o sumiço do time Bravo numa área meio afastada de Raccoon City, na Raccoon Forest. E depois de alguns imprevistos e mortes, os protagonistas e outros personagens vão parar dentro de uma mansão, e assim se inicia o jogo. O resto é por conta de vocês, pois vale a pena jogar esse clássico e não seremos nós que daremos spoillers hahaha.

Resident Evil

Só acho que se realmente forem jogar, joguem o Resident Evil Remake – que é como o próprio nome diz, um remake do primeiro jogo – ou a versão de 2002 para Game Cube ou a versão HD de 2015 que saiu para o PS3, PS4 e os consoles da Microsoft.

A Capcom fez um ótimo trabalho trazendo de volta o primeiro jogo da série para os “gráficos” e jogabilidade da atualidade fazendo com que esse jogo ficasse mais tempo eternizado e conquistando novos fãs. Enfim, um ótimo jogo.

Resident Evil

E aí, quem já jogou? Quem joga? Quem se animou pra jogar?

Obrigada por tudo, pessoal!

xoxo

Por

Mel e Beni

  1. Gabi says:

    Eu amei as fotos do post. Ficaram muito lindas
    Fiquei alguns dias sem internet e hoje já tinham vários posts pra mim ler <3
    PS. Fiquei sabendo pelo snap

  2. Clara says:

    Eii Mel! Fiquei sabendo desse post pelo snap hehehe (se vc não se importar, vc pode mandar um beijo pra mim por lá? :) Te acompanho desde 2014 e o meu maior sonho é poder te conhecer pessoalmente e te dar um abraço bem apertado hihi <3) Eu sempre tive medo desse tipo de jogo, por mais que goste do suspense, da tensão e do "não saber o que está por vir" heheh enfim… adorei a ideia de você e o Beni escreverem juntos! Vocês formam um belo casal! Desejo a vocês todo o amor e a felicidade do mundo! Beijinhos de luz :* <3

  3. CARACA 20 anos? Tô velha! hahaha

    Eu acho que justamente o fato de Resident Evil não te deixar tenso o tempo todo que ele foi responsável pelos “semi” enfartes mais potentes de toda a minha infância hahahah
    Você se distrai pensando quais áreas ainda não explorou e BAM um monstro pula pelo vidro da delegacia e você cai duro no chão da sala haha incrível como apesar de tudo todo mundo jogava ele de madrugada e no escuro, parece que a gente curte um susto né haha

    Sinto saudades de jogar no Play 1 haha bons tempos!

    Adorei o post Mel ;)

  4. mariana says:

    Melzinha ;*

    meu namorado tem problemas com esse jogo !!! kkkk
    só conheço e sei tudo por causa dele
    já até mostrei o post pra ele, que disse assim: “agora vc pode ficar horas e horas vendo os snaps, insta, blog, tudo da mel”
    hahahha… ciuminho de vc pode?! kkkkk ganhou créditos!! kkkk

    ahh Mel, eu estou adorando que estou recebendo no meu email a resposta do meu comentário – vejo na hora! (viciada)

    huumm…. manda beijinho pra sua mainha que ainda não mandei por esses dias… fofa ;)

    beijinhos de docinho de coco
    http://www.maricotacaradericota.com/

  5. Aline Godoy says:

    Acho esse o melhor R. E. de todos! Mas meus jogos favoritos na série de “terror” ainda são o Silent Hill 1 e Alone in The Dark – The New Nightmare, morro de medo deles. Haha.
    Curioso e engraçado pensar na diferença de tamanhos nos inventários do Chris e da Jill. Será que foi intencional eles colocarem slots a mais pra ela – por ela ser mulher – e automaticamente carregar mais coisas na bolsa? Nunca tinha prestado atenção nisso levando para esse ponto…
    Enfim, curti bastante esse post. :) E a foto em PB está linda demais!


Deixe seu comentário