melina-souza-2
Travels

NAGAOKA – ESTAÇÃO E TATUAGEM

2.11.2016

Melina Souza

No dia 5 de Outubro pegamos o nosso primeiro trem bala com destino a Nagaoka, uma cidade que fica na província de Niigata (localizada na ilha de Honshu). Não fomos lá para passear então as fotos desse post vão se resumir a fotos da estação e do estúdio de tatuagem que foi onde passamos a maior parte do tempo nesse dia.

NAGAOKA STATION

Melina SouzaMelina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina SouzaMelina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza

Uma coisa muito legal nas estações do Japão é que elas são cheias de lojas – tem até marcas que aqui no Brasil só encontramos em shoppings – então elas não têm só a função de transporte. É muito interessante porque a sensação que passa é de que podemos encontrar tudo que é necessário por lá. Tem comida, roupas, artigos de papelaria, livraria, coisinhas kawaii…enfim, tem de tudo mesmo. E quanto maior a estação (ou o distrito onde ela se encontra) mais lojas existirão para dar suporte à demanda.

TATTOO TIME

Melina Souza

Foram dois dias (05 e 06 de outubro) seguidos de tatuagem! Como a Melzinha falou no vídeo do canal, faltavam 2 sessões para finalizar a tatuagem (já havia feito 3). Foi “porreta” porque são 7 horas e pouco de sessão (por dia) e sempre no segundo dia o braço já está bem mais sensível e dolorido. Mas valeu cada esforço e tempo dedicado para conseguir completar esse sonho (talvez façamos mais hahaha). As fotos dos dois dias foram compiladas nesse post, pois não há necessidade de criar outro tendo as atividades diárias bem similares.

Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina SouzaMelina Souza

Melina Souza

TOMO

Melina Souza

Meu sonho em tatuar o braço surgiu quando tinha 17 para 18 anos (2004). Mas não qualquer tatuagem, ou seja, não estava em busca do tatuar por tatuar. Estava em busca de uma autêntica expressão artística japonesa. A arte que pudesse refletir minhas ideias e aspirações associando-as através da visão contemporânea das tatuagens tradicionais japonesas. A arte que pudesse ser criada por alguém que entendesse isso quase que como uma disciplina espiritual.

Pois é. Não foi fácil encontrar. Desde o início não fazia questão que o artista (tatuador) fosse japonês, pois estava em busca da arte. Sabia que poderia levar alguns anos para achá-la. Já tinha em mente que seria um sonho para ser realizado a médio e longo prazo. Procurei muito entre os artistas brasileiros e não brasileiros, descendentes e não de japoneses que trabalhassem com a visão que eu queria até que em 2009 (depois de 5 anos!), fiquei sabendo da dupla TOMO e SHIGE do estúdio Yellow Blaze de Yokohama, Japão. O contato inicial foi bem difícil na época.

Shige que já era bem renomado na época, tanto no Japão quanto fora, já havia convidado o Tomo duas vezes para ser seu discípulo e se juntar ao estúdio para dar conta do trabalho que só aumentava. Os convites ocorriam, pois segundo o Shige, a qualidade dos trabalhos e a disciplina com que Tomo desenvolvia e trabalhava em seu próprio estúdio eram/são altíssimas e, por isso, só ele poderia dar conta de ajudar a manter o estúdio (Yellow Blaze) a todo vapor e com qualidade. Somente no terceiro convite que Tomo pôde aceitar, após discutir com a família (esposa e filhos) sobre passar a maior parte do tempo longe de casa (claro que ele podia pegar trem-bala sempre que quisesse, mas não é a mesma coisa do que trabalhar em sua própria casa).

Após 6 anos trabalhando com seu mestre, Shige, Tomo se “graduou” em 2015 para abrir seu novo estúdio em Nagaoka (o das fotos).

Em 2004 surgiu o sonho,  em 2009 encontrei os artistas que poderiam tatuar, em 2015 fiz as primeiras sessões e somente em 2016, junto com a Melzinha, pude completar a tatuagem. Mais um sonho foi realizado.

Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina SouzaMelina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina Souza Melina SouzaMelina Souza

Melina Souza

Melina Souza

Melina Souza

Melina Souza

Melina Souza

WORK WORK WORK

Melina SouzaMelina Souza

Enquanto o Beni estava sendo tatuado, aproveitei pra adiantar um pouco a edição/seleção das fotos da viagem. Nosso pedido de ~quase~ sempre: Iced Cocoa. Saudade já hehe

VLOG

Esperamos que vocês estejam gostando dos posts e dos vídeos. Ainda temos muitas coisas legais pra compartilhar dessa viagem *-*

Obrigado por tudo!

xoxo

Por

Mel e Beni

  1. as fotos desse post estão maravilhosas, a parte da estação é linda. até os tons combinam!
    =** melzinha

  2. As fotos ficaram lin-daaaas! :) Adorei o vídeo também! Vocês estão fazendo um belo trabalho registrando o Japão e a viagem! :D
    O stúdio do Tomo é muito organizado e bonito! :O E o trabalho dele é impecável!
    A tattoo ficou perfeita! (tem que aguentar a dooooor XD)

    =***********

  3. Que amor ♥♥♥

    Estou amando tudo mel. os vlogs, as fotografias.
    Obrigada por compartilhar esses dias maravilhosos.
    Obrigada por deixar eu ir p/ o Japão sem sair de casa ♥ hahaha ( um dia eu irei :) )

    Abraços fortes

  4. Midori says:

    Eu amo as estações de trem do Japão! Sempre ia na cidade que eu morava pra ficar passeando pelas lojas ♥

  5. Claudia Hi says:

    Adorei o vlog (esse eu assisti o vídeo antes de ler o post)! Beni quanta dedicação e coragem! Ficou demais mas tive uma dúvida meio tonta, como faz na parte do cotovelo (pela foto parece que também foi tatuado). Eu não entendo nada de tatuagem então desculpe se for uma pergunta muito estúpida! rs

    Me identifiquei muito com você Mel na hora de ir comprar o almoço sozinha e celebrando a cada conquista, por mais simples que fossem.

    Aguardando ansiosíssima pelos próximos posts e vídeos!

  6. Bárbara says:

    O estúdio é lindo e as fotos ficaram incríveis… como o mundo é diverso e cheio de lugares maravilhosos!
    Adoro tatuagem e gostaria de fazer uma em casa lugar do mundo. Seria uma experiência incrível!

    Beijinhos!
    http://barbaradoblog.com/

  7. Hellê says:

    Meu Deus, que coragem, mas valeu o esforço e sofrimento, que tattoo sensacional, pelo menos pelo que dá pra ver, to curiosa pra ver ela inteira


Deixe seu comentário