amor

Posts na tag amor

26. Jul. 2013

Inspire-se: Zach Sobiech

melinasouza

Perguntei no twitter e no facebook sobre músicas que falavam sobe patologias e estava super empolgada para fazer um post sobre isso (aliás, ele está pronto, mas vou deixar programado pra depois) quando cliquei no link que a @linelefay enviou. Fiquei tão emocionada que precisei fazer esse post. O link direcionava para o vídeo da música Clouds, escrita pelo Zach Sobiech, um jovem cantor de folk que foi diagnosticado com Osteossarcoma (tumor maligno dos ossos) aos 14 anos.

No final do ano passado ele gravou essa música em que fala sobre essa sua batalha e com certeza emociona todo mundo que escuta:

A mensagem de Clouds é linda e o dinheiro da venda dela é direcionado para o Zach Sobiech Osteosarcoma Fund. Espero que essa música se espalhe cada vez mais e ajude a arrecadar fundos para pesquisa e salvar cada vez mais pessoas :)

Clouds (Zach Sobiech)

Well I fell down, down, down
Into this dark and lonely hole
There was no one there to care about me anymore
And I needed a way to climb and grab a hold of the edge
You were sitting there holding a rope

And we’ll go up, up, up
But I’ll fly a little higher
We’ll go up in the clouds because the view is a little nicer
Up here my dear
It won’t be long now, it won’t be long now

When I get back on land
Well I’ll never get my chance
Be ready to live and it’ll be ripped right out of my hands
Maybe someday we’ll take a little ride
We’ll go up, up, up and everything will be just fine

And we’ll go up, up, up
But I’ll fly a little higher

We’ll go up in the clouds because the view is a little nicer
Up here my dear

It won’t be long now, it won’t be long now
If only I had a little bit more time
If only I had a little bit more time with you

We could go up, up, up
And take that little ride
And sit there holding hands
And everything would be just right
And maybe someday I’ll see you again
We’ll float up in the clouds and we’ll never see the end

And we’ll go up, up, up
But I’ll fly a little higher
We’ll go up in the clouds because the view is a little nicer
Up here my dear
It won’t be long now, it won’t be long now

Isso me fez pensar em como é lindo quando conseguimos deixar uma marca tão positiva e inspiradora no mundo. Muitas vezes nos sentimos limitados por diversos motivos, mas realmente acredito que é possível superar os obstáculos, aprender com eles e ajudar os outros a ver isso de uma forma diferente. De uma forma positiva. Por menor que possa parecer a nossa “marca”, ela faz diferença SIM então não desista.

Zach Sobiech (onde quer que você esteja), demorei um pouquinho para conhecer a sua história e o seu trabalho, mas me emocionei, me encantei e espero que esse post ajude a espalhar ainda mais a esperança e o amor que você deixou na Terra :)

Ah, quem leu A culpa é das estrelas deve ter se lembrado do Augustus ❤ e quem quiser comprar a música é só clicar aqui e espalhar amor e esperança (eu já comprei e não consigo – nem quero – parar de ouvir).

Obrigada por tudo, pessoal!

xoxo

ps: se gostou, clique aqui e role um pouco a página para ouvir outras músicas lindas ;)

Quem quiser acompanhar o A Series of Serendipity é só seguir: Twitter ❤ Fanpage ❤ Instagram ❤ Youtube

11. Jun. 2013

Concurso Cultural: Declare seu amor por Paris!

Arquivado em: Concursos

melinasouza

Sabe aqueles artigos de papelarias lindos que eu mostrei no post sobre a La Papeterie? Então, o A Series of Serendipity e a La Papeterie vão presentear o leitor que tirar a melhor foto declarando o seu amor por Paris. Isso mesmo, para participar do Concurso Cultural basta usar a imaginação e fazer uma foto declarando o seu amor pela cidade luz.

❤ Regras ❤

1. Precisa morar em território nacional;

2. A foto precisa ser pensada/montada por você, mas quem não tem tripé ou outro auxílio (como uma super pilha de livros) pode pedir ajuda da mãe, do pai, irmão, irmã, namorado, namorada…para clicar;

3. Cada participante* poderá enviar apenas uma foto;

* A pessoa que enviar a foto estará automaticamente autorizando a publicação gratuita da mesma no blog/fanpage do A Series Of Serendipity;

4. Pode editar usando actions ou filtros, mas tome cuidado pra não descaracterizar a foto (ela precisa continuar com “cara de foto”, sabe?);

5. A foto precisa ter 760px de largura;

6. As fotos podem ser enviadas até às 23h59m do dia 05 de julho de 2013 para o email: serendipity.concursos@gmail.com

7. O resultado está previsto para o dia 12 de julho de 2013 e será publicado aqui no blog juntamente com a foto vencedora;

8. Após a divulgação do resultado, o vencedor tem 48 horas para enviar seu endereço para contato@melinasouza.com (ou entrar em contato em alguma rede social). Caso contrário, será feito um novo post divulgando um novo ganhador;

9. Os prêmios serão enviados pela loja La Papeterie;

10. A participação nesse concurso cultural implica total conhecimento e aceitação de todas as regras deste post.

❤ Prêmios ❤

melinasouza

Caneta London Style e Caderno England

melinasouza

Papel de carta Paris

melinasouza

Caderninho Nice Day

melinasouza

Retrô Memo Set Países

melinasouza

Adesivos Selos Vintage

❤ Serendipity & La Papeterie 

Não é obrigatório curtir nem seguir, mas vou deixar os links do A Series of Serendipity e da La Papeterie para quiser acompanhar as novidades, tá?

* A Series of Serendipity: fanpage | twitter | instagram | youtube

* La Papeterie: fanpage | twitter | instagram

11. Jun. 2013

Apaixonar-se

montagemlinda

Queria saber dizer em que exato momento me apaixonei por você. Talvez tenha sido quando mexeu no cabelo, sorriu sem jeito ou talvez no minuto de silêncio entre o  “quanto tempo” e o ‘‘como vai”. Assim, sem motivo concreto, sem aviso prévio, sem ao menos parecer conto de fadas: simples felicidade camuflada no dia-a-dia. Fora algo de um mês, talvez, uma semana, algo entre três ou quatro horas, sabe lá. Diria quem sabe, que o amor se fez em um pedaço de abraço, um vão, pequeno espaço entre o suspiro e o laço que se fez de nós. Não um beijo, nem um amasso: apenas o colocar a cabeça em seu peito, fazendo o coração perder ritmo e a noção de tempo e espaço. Mas no fundo nunca se sabe do que são feitos os abraços, se eles apenas alimentam a paixão, ou se a paixão é materializada em abraços.

Mas fique tranquilo, quando souber, te aviso. Se eu entender tamanho amor, te falo sem medo dos riscos, mesmo sabendo que talvez no próximo segundo, você me faça apaixonar por outro e outro motivo.

***

E ai, gostaram? Estou muito feliz com o retorno de vocês em relação aos meus textos por aqui, e é por isso que eu quero conversar com vocês! Sim, conversar, pois estou com uma ideia e quero a opinião de vocês.

O que vocês acham de uma história por aqui, dividida em capítulos (posts), com personagens e tudo mais? Gostaria de saber o que vocês acham e caso gostem da ideia, qual tema, estilo de história, tudo tudo tudo o que vocês acham que deveria ter, tudo tudo tudo o que vocês gostariam de ler. Topam? Vamos lá, comentem aqui (estou empolgada para saber o que vocês pensam disso haha) e me contem tudinho. Ah, e claro, se acharem tudo uma grande besteira e preferirem que eu apenas continue publicando meus textos como faço desde o início, podem falar, gosto de compartilha-los com vocês! Não vou ficar chateada nem nada disso, viu?! {:

Um beijo, Dan ❤