trilogia

Posts na tag trilogia

29. Nov. 2013

Holografia: os instrumentos mortais e as peças infernais

Arquivado em: Livros são amor

Quando publiquei a resenha do livro Cidade dos Ossos eu comentei que amava os detalhes holográficos da capa e muitas pessoas me escreveram e-mails e comentários falando que os exemplares delas não tinham os “brilhinhos” e que não achavam mais livros com eles nas livrarias.

Conversei com a Manu (fofa!) que trabalha na Galera Record e ela me explicou o que aconteceu. Na primeira edição de Cidade dos Ossos eles usaram um brilho localizado que esgotou do mercado (alguém aí tem essa primeira edição? guarda com muito amor, heim?). No lançamento do terceiro livro da série (Cidade de Vidro), eles começaram a usar um novo material holográfico na capa inteira e fizeram isso também com as outras edições de Cidade dos Ossos e Cidade das Cinzas e com os livros lançados posteriormente. Parecia a solução perfeita, mas não era. Além do problema distância (o fornecedor do brilho fica em São Paulo e a editora fica no Rio de Janeiro então levava pelo menos 15 dias até os livros voltarem para a editora com a holografia), alguns leitores (principalmente meninos) começaram a reclamar que não gostariam que seus livros tivessem brilho então, a partir de agora, as edições com brilho serão de colecionador.

A série Os instrumentos mortais já foi publicada até o quinto volume (Cidade das Almas Perdidas). Quem quiser garantir o “brilhinho” na sua coleção vai precisar dar uma olhada nos sebos. Cidade das Almas Perdidas ainda tem exemplares disponíveis da primeira edição em livrarias, mas os outros eu não vi. Agora tem que ficar preparado pra garantir a primeira edição quando o livro Cidade do Fogo Celestial for lançado.

A trilogia As Peças Infernais acabou de ter a primeira edição do seu terceiro livro lançado, Princesa Mecânica, e somente essa edição terá holografia então tem que correr para as livrarias pra garantir o seu. Aliás, já estou tensa porque não tenho na minha coleção ainda haha

Todas as minhas edições tem os amados “brilhinhos” (UFA!). Anjo Mecânico (3ª edição); Príncipe Mecânico (1ª edição); Cidade dos Ossos (9ª edição); Cidade das Cinzas (5ª edição); Cidade de Vidro (5ª edição); Cidade dos Anjos Caídos (2ª edição) e Cidade das Almas Perdidas (2ª edição).

Pronto! Agora que vocês já sabem o motivo dos “brilhinhos” terem sumido das livrarias. Ah, e também já sabem como fazer pra conseguir garantir os próximos exemplares de colecionador :)

Espero que tenham gostado do post!

Obrigada por tudo, pessoal!

xoxo

Quem quiser acompanhar o A Series of Serendipity é só seguir: Twitter ❤ Fanpage ❤ Instagram ❤ Youtube

22. Jun. 2013

A Elite (Kiera Cass)

Arquivado em: Livros são amor

IMG_4508 copy

A Elite é o segundo livro da trilogia A Seleção (clique aqui para ler a resenha do primeiro) que é publicada no Brasil pela Editora Seguinte.

Por mais que as resenhas do A Series of Serendipity tenham como características não ter spoilers, não recomendo a leitura dessa resenha para quem ainda não leu o primeiro livro, pois pode tirar um pouco a emoção da leitura de A Seleção ;)

IMG_4579 copy

A Elite começa exatamente no ponto em que termina A Seleção. Agora há apenas seis garotas disputando pelo coração do Príncipe Maxon (ou, em alguns casos, pela coroa). Com menos garotas no processo, a Seleção ficou mais acirrada (claro!)  e aconteceram disputas interessantes entre as candidatas.

America está mais irritante do que nunca (desculpa o desabafo haha). Seus atos impulsivos me prenderam na história, mas também me deixaram chateada/irritada com ela diversas vezes durante a leitura. Agora que Aspen está o tempo todo no castelo, seus sentimentos conflitantes por ele e por Maxon ficam ainda mais confusos e isso, somado a sua insegurança sobre ser capaz de ser a Princesa de Illéia, faz com que ela tome atitudes sem refletir sobre as possíveis consequências. America não facilita as coisas em nenhum momento, pelo contrário, deixa tudo mais complicado e angustiante. Socorro!

Nesse segundo livro, conhecemos mais um pouco da história de Illéia, sobre seu governo e atual situação do país (apesar de ter mostrado mais da distopia, estou torcendo para que a Kiera Cass trabalhe mais ainda sobre isso no tão esperado The One). Além disso, também conhecemos um pouco mais sobre outros personagens que ganham um pouco mais de destaque.

IMG_4600 copy

Em A Elite, algumas certezas que  eu tinha em A Seleção desapareceram e sentimentos novos surgiram. Do trio America, Aspen e Maxon, o único que não me deixou chateada/decepcionada foi…adivinhem…Aspen! Pois é, mas apesar disso, ~acho~ que continuo sendo Team Maxon.

IMG_4557 copy

A capa é linda (mas ainda prefiro a do primeiro livro), o título é em alto relevo (amo!), as páginas são amareladas, a fonte, a margem e o espaçamento são ótimos.

IMG_4611 copy

IMG_4530 copy

Team Spock \o/

IMG_4562 copy

ISBN: 97885657651121 Editora: Seguinte Páginas: 360 Nota: 4/5

E aí, quem já leu? O que achou? Team Maxon ou Team Aspen?

Quem quiser me acompanhar nas redes sociais literárias: Skoob e Goodreads!

xoxo

Quem quiser acompanhar o A Series of Serendipity é só seguir: Twitter ❤ Fanpage ❤ Instagram ❤ Youtube

26. Mai. 2013

Sábado à noite (Babi Dewet)

Arquivado em: Livros são amor

Antes de falar sobre a história do livro, diagramação e essas coisas, quero contar como Sábado à noite foi parar em minhas mãos. Estava passeando com a fofa da Paula Pimenta quando ela recebeu uma ligação da Babi Dewet avisando que estava em um shopping por perto. Alguns minutos depois lá estava eu almoçando com a Paula, com a Pri (não é a Pri de Minha Vida Fora de Série, heim? haha) e com a Babi do meu lado. Foi um almoço tão legal e divertido que dei um jeito de ir em um evento da Babi na Livraria Curitiba no mesmo dia à noite e comprei o livro.

babi

Não lembro se foi a Paula ou a Pri que tirou essa foto então os créditos são das duas haha :)

Sábado à noite é uma adaptação de uma fanfic de mesmo nome escrita pela Babi Dewet. A história se passa no ensino médio e os personagens principais fazem parte de dois grupos: as meninas são lindas e populares e os meninos são bagunceiros (marotos). A vida deles sofre uma reviravolta quando a professora de Artes decide escolher quem fará dupla com quem nas próximas aulas e coloca Amanda, a garota mais bonita e popular, com Daniel, um dos marotos. Amanda e Daniel têm uma paixão mal-resolvida, o que torna esses encontros mais emocionantes fazendo diferentes questões e sentimentos virem à tona. Pra completar, o diretor tem a brilhante ideia de promover bailes todos os sábados à noite e para isso contrata uma banda de músicos talentosos e mascarados que cantam músicas que parecem ter sido escritas para Amanda.

A principal questão que a Babi traz nesse livro é o Amor x Amizade, pois Amanda se encontra em um dilema por ter certeza de que uma de suas melhores amigas gosta do mesmo garoto que ela, o que faz com que não só ela, mas o seu amor também sofra (e muito!).

Gostei muito do livro, chorei várias vezes e me irritei muito também. Vou aproveitar esse parágrafo pra fazer um desabafo: eu não gosto da Amanda! Não vou falar muito pra não contar spoilers, mas muitas vezes ela tomou atitudes que me fizeram querer entrar no livro e brigar com ela (pois é!). Embora a Babi tenha conseguido nos fazer refletir sobre os dois lados (o da Amanda e o do Daniel), eu não consegui deixar de me irritar com as suas atitudes (e de me apaixonar pelo Daniel).

A versão que eu tenho foi publicado pela Editora Generale e eu gostei bastante do trabalho gráfico dela, mas me incomodei um pouco com uns errinhos que passaram batido na revisão. As páginas são amareladas e a margem/espaçamento/fonte são ótimos.

melinasouza

A Babi Dewet é uma escritora-blogueira super querida. Fiquei muito feliz por ter conhecido ela e seu trabalho. Espero encontrá-la novamente logo e ler o segundo volume de Sábado à noite (por favor, diz que a Amanda ficou mais legal? :P).

ISBN: 9788563993380 Editora: Generale Páginas: 334 Nota: 4/5

Quem quiser acompanhar as novidades:

Babi Dewet: blog | twitter | facebook | youtube

Sábado à Noite: fanpage | twitter | youtube

melinasouza

O Spock quer se candidatar para ser um maroto, mas reclamou que a máscara não é do tamanho dele :P

melinasouza

Babi, parabéns pelo livro e pelo sucesso :D Volta logo pra Curitiba!

Quem quiser me acompanhar nas redes sociais literárias: skoob e goodreads

Obrigada por tudo, pessoal!

xoxo