ENTRETENIMENTO FILMES E SÉRIES

7 filmes que assisti recentemente

Decidi que a partir de agora vou ilustrar de forma mais “bonitinha” os posts da categoria Pipoca. Nos últimos posts só estava colocando as fotos do instagram, mas agora farei uma de abertura com todos os filmes juntos (na de hoje está faltando Fale Com Ela porque o filme está emprestado).

Vamos ver se esse “novo formato de post” fica mais legal e interessante :)

❤ A vida é bela (La vitta è bella): É um filme italiano lindo e triste , dirigido e protagonizado por Roberto Benigni. A história se passa na Itália em dois momentos: antes e durante a segunda guerra mundial. Na primeira parte, o clima é mais tranquilo e mostra Guido (Roberto Benigni) arranjando e se livrando de confusões enquanto tenta conquistar a sua principessa (Nicoletta Braschi). Já na segunda parte, Guido, sua esposa e seu fiho (Giorgio Cantarini) são levados pro campo de concentração. Para poupar seu filho do terror que estão vivendo, Guido inventa que eles estão participando de um grande jogo e que o ganhador vai voltar pra casa com um tanque como prêmio. Mesmo com a segunda parte se passando em um campo de concentração, consegui dar alguns sorrisos e risadas no meio das lágrimas (sou chorona e não tenho vergonha de admitir haha).

Classificação indicativa: 14 anos.

(não consegui achar nenhum trailer legal com legenda em português)

❤ Fale com ela (Hable com ella): Um filme de Almodóvar que conta a história do enfermeiro Benigno (Javier Cámara), que dedica quase que todas as horas do seu dia pra cuidar de Alicia (Leonor Watling), uma jovem bailarina que está em coma. No decorrer do filme a história de Marco (Dário Grandinetti) e Lydia (Rosario González Flores) se cruza com a de Benigno e Alicia. Uma coisa que eu não gosto nele é a parte da tourada, mas tirando isso gosto muito do filme. Almodóvar trabalha questões polêmicas de uma forma bem interessante. Recomendo para estudantes de psicologia.

Classificação indicativa: 14 anos.

(legendado em português aqui)

❤ A invenção de Hugo Cabret (Hugo): Gosto tanto desse filme que mesmo sabendo o que vai acontecer eu continuo chorando nas mesmas partes. É um filme dirigido por Martin Scorsese baseado no livro de Brian Selznick. Conta a história de Hugo (Asa Butterfield), um órfão que mora em uma estação de trem de Paris, onde cuida dos relógios e tenta consertar o autômoto (um pequeno homem mecânico que seu pai – Jude Law – levou pra casa pouco antes de morrer) roubando peças da loja de brinquedo da estação. Papa Georges, o dono da loja de brinquedo, pega Hugo e confisca seu valioso caderno e, por causa disso, acaba nascendo uma amizade entre Hugo e Isabelle (Chloë Moretz). O filme é lindo e nos faz viajar pela história do cinema de uma forma muito legal.

Classificação indicativa: livre.

❤ Viagem à Lua (Voyage dans la Lune): Quem assistiu A invenção de Hugo Cabret ou é cinéfilo já ouviu falar desse clássico de George Méliès. É um curta de 1902 que tem aproximadamente 15 minutos, ou seja, é um dos primeiros filmes da história do cinema. Pelo nome vocês já sabem do que se trata a história, né?

Classificação indicativa: livre.

❤ Gênio Indomável (Good Will Hunting): Um ótimo filme dirigido por Gus Van Sant. Conta a história de Will (Matt Damon), um jovem gênio rebelde. Ele trabalhava como servente em uma universidade de Boston quando foi descoberto pelo professor Gerald Lambeau (Stellan Skargård), após resolver dois desafios deixados por ele na lousa. Impressionado com seu conhecimento, Lambeau vai atrás dele e acaba o encontrando em uma audiência na qual o juiz determina que Will terá que cumprir a pena ou pagar uma fiança alta. Para ajudá-lo, conversa com o juíz que diz que Will poderá ficar livre com as seguintes condições: sessões semanais de terapia e aulas com o professor Lambeau. Também recomendo para estudantes de psicologia.

Classificação indicativa: 14 anos.

(não encontrei legendado em português)

❤ Frankenweenie (Frankenweenie): É o novo filme dirigido pelo Tim Burton. Amei, amei e chorei! Conta a história de Victor Frankenstein, um garoto apaixonado por ciências que perde seu melhor amigo/cachorro, Sparky. Muito triste, Victor decide tentar trazer Sparky de volta e isso acaba gerando confusões “monstruosas”. O filme é um stop-motion preto e branco gravado em 3D. Tudo muito bem feito e a trilha sonora é incrível. Está na minha wishlist de filmes que quero na minha coleção.

Classificação indicativa: 10 anos.

❤ Dominhoco (Sleeper): Filme do meu querido diretor Woody Allen. Conta a história de Miles Monroe (Allen), um saxofonista que que foi ao hospital em 1973 fazer um procedimento cirúrgico e acabou sendo congelado. 200 anos depois, em 2173, ele é “acordado” por um grupo de pessoas que são contra o poder vigente e tentam derrubar o governo (fazem parte da Resistência). Miles fica conhecido como “forasteiro” e é procurado pelo governo. Enquanto tenta fugir, conhece Luna (Diane Keaton) e os dois acabam passando por muitas confusões. É um filme muito divertido! Amei!

Classificação indicativa: 12 anos.

(não achei legendado em português)

Alguém aí já viu algum desses filmes? Quem quiser pode falar sobre eles nos comentários (mas cuidado com os spoilers)!

Leitores novinhos que visitam meu blog, por favor confiram as classificações dos filmes (coloquei embaixo de cada resenha) e vejam com os pais antes se podem assistir!

xoxo

Posts relacionados

28 Comentários + Comentários pelo Facebook
Post Anterior
novembro 8, 2012
Próximo post
novembro 8, 2012
  • Larissa

    Hugo Cabret é tão especial.Não sei por qual motivo me lembra Amelie Poulain. Não sei mesmo.

  • Maria Clara Marinho

    Já assisti a invenção de Hugo Cabret :) Foi para produzir um artigo de opinião. Quando fui escrever, foquei bem no fato de Hugo ser órfão. Quis chorar, mas não pude. Estava com meus colegas e eu tinha certeza de que iam zombar da minha cara :P Mas enfim: amei o post. Bjos! ;D

    http://multipolarizada.blogspot.com.br/

  • Gabriela Nóbrega

    Fale com Ela me deixou boquiaberta. O filme inteiro é polêmico, mas os últimos dois minutos conseguem superar tudo, não vou dar spoilers, mas me deixou besta.
    Woody Allen e Hugo Cabret <3

  • Zezinha Souza

    Adorei a nova formatação da categoria Pipoca…ficou ainda mais interessante e caprichado….ainda não vi assim em nenhum blog ou site! :)

    Estou louca para assistir Hugo e Frankenweenie e aquele outro que lhe falei….espero que logo consiga ver junto com você! :)

    Beijinhos e parabéns, como sempre, amei o post e as fotos! :)

  • Ingrid

    Amo quando você fala de filmes, e adorei essa nova “configuração”, hahaha. Desses, o que mais me toca é “A vida é bela”. Assisti na minha infância, eu sabia que era uma guerra mas não entendia bem… mas enfim, vi o filme mais grandinha, entendi e está na minha lista dos preferidos! Lindo, lindo, lindo x1000

  • Eu amo “A vida é bela”, assiste “O tigre e a neve” do Roberto Benigni também, é muito bom!
    =*

    • Melina

      Vou assistir :) Obrigada pela dica, chuchu! :*

  • Manu

    Ahh, A Vida é Bela é lindo demais! Assisti pela primeira vez há muito tempo… e me deu vontade de assistir de novo (mesmo sabendo que vou chorar horrores, nas mesmas partes…)! A Invenção de Hugo Cabret e Gênio Indomável me conquistaram pela sua resenha, vou colocar pra baixar e ver assim que der! :)

    • Melina

      Depois me diz o que achou, chuchu ;)

  • Ariel Bessa

    O “Gênio Indomável” é incrível! Meu professor de matemática levou para assistirmos na turma e todos gostaram. Meu professor é mega chato, mas se redimiu com esse filme haha. E quero muito assistir suas outras indicações, “A vida é bela” e “A invenção de Hugo Cabret”, devem ser muito bons.

  • Ariel Bessa

    Gente, desculpa me aproveitar do post para perguntar isso, mas é que fiquei curiosa. Como faz para aparecer nossa foto ao invés desse bonequinho estranhos nos comentários? haha. Primeira vez que comento em um blog, e quero aprender.

  • Beatriz

    Almodóvar nem comento mais, pois é um dos meus diretores favoritos. Embora Hable con ella passe longe de ser meu favorito. HAIUHAUIAHUIHAIUHAIUHA. Já assistiu “Kika”? É MUITO perfeito!

    Eu demorei para assistir “Hugo”, pois achei que seria bem água com açucar e bem infantil, mas a história é linda e confesso que o que mais me animou foi ter tido ligação direta com Méliès (sou apaixonada por ele, acho que já vi todos os vídeos que sobraram dele e que estão disponíveis, as cores, os truques, ele foi um grande mestre na arte do cinema).

    Bem, é… não preciso nem falar de “Voyage dans la Lune” né? Como disse, sou fã de Méliès! HAUIAHIUAHIUHAIUHAA

  • Faah Santos

    eu ganhei o livro A invenção de Hugo Cabret e vou começar ler logo, logo, deu vontade de ver o filme mais só vou ver depois de ler o livro rssr’
    http://faahsantos.blogspot.com/

  • Diana

    chuchu, vou te indicar um filme para você colocar aqui, mas acho que você só encontra na internet, não faz muito tempo que saiu do cinema: Procura-se um amigo para o fim do mundo. Eu amei e sempre saio indicando ele por aí.. Obrigada, beijo.

    • Melina

      Eu vi o trailer quando estava no cinema. Parece bem legal :) Vou procurar, chuchu :*
      (mas provavelmente vou esperar sair em dvd ai ai)

  • Daniele

    “A Vida é Bela” é um dos filmes mais lindos que vi na vida, me emociona sempre! (:

  • Mariana

    Eu assisti a Invenção de Hugo Cabret com minha mãe, é excelente o filme! Ainda melhor, foi a exposição que teve no MIS (Museu de Imagens e Sons) com as obras de George Méliès. Esta foi fantástica! O cara foi um gênio do cinema.

  • Erika Tammy

    Desses filmes que você citou, o único que eu ainda não assisti foi o do Tim Burton, mas desse final de semana não passa.
    A Invenção de Hugo Cabret, eu simplesmente sou apaixonada por esse filme, sempre que eu assisto fico emocionada *.*

  • Helenice

    Recomendo este : http://www.youtube.com/watch?v=ZElAeVdDCDs.

    beijos

  • Isabelle

    Eu simplesmente adorei o filme A invenção de Hugo Cabret, me senti envolvida com a história e, para melhorar, uma das personagens tem o mesmo nome que o meu(adoro quando isso acontece porque não é muito comum)! rsrs Quando tiver tempo, com certeza vou ver o vídeo Viagem à Lua só pra imaginar como era fazer ou participar de um dos primeiros filmes da história. Maravilhoso!!
    Beijos.

  • Gabriela Tavares

    Mel! Nossa você me fez lembrar de “A Vida é Bela”, este filme passava muito na sessão da tarde quando eu era pequena e eu adorava, é muito bonita a história e o a luta do pai do menino para que este não soubesse do que estava acontecendo. É bem triste mesmo, mas também conseguia dar boas risadas em alguns momentos :D
    Obrigada por colocar ele aí, eu não sabia qual era o nome do filme. *-*

  • Déborah

    parece ser bons filmes.

  • Káren Araújo

    Já assisti “A vida é bela” (várias vezes) e “A invenção de Hugo Cabret”.
    Adorei os dois =)

    http://4demarco.blogspot.com.br/

  • week 45 - A series of serendipity

    […] Sendo feliz com sorvete do D’Vicz 3. Primeira temporada de New Girl 4. Dorminhoco 5. Frankenweenie 6. Pernas 7. Maria Antonieta, a vaquinha 8. Spock sendo fofo 9. Laço grande e […]

  • Van

    A vida é bela e a invenção de Hugo Cabret são definitivamente dois dos meus favoritos ever!
    E eu semprei amei a história do Frankenweenie! É tão linda… mas ainda não consegui ir ao cinema. Neste feriado irei sem falta!
    Adoro ver suas opiniões sobre coisas que eu amo.
    Bjs

  • Laís Santos

    Ai, A Vida é Bela… É a poesia em forma de filme!

  • Livia

    Depois de milhares de vídeos sobre a Guerra, a Vida é bela definitivamente é o mais incrível de todos! *-*
    Misturou, de forma original, a realidade, com romance e de certa forma, fantasia. Um dos meus filmes favoritos!

Deixe seu comentário

Instagram

  • acabei de liberar um vídeo novo no canal que envolve muito quentinho no coração. Spoiler: 🍪 📖 🖤 • me contem nos comentários o que traz a sensação de quentinho no coração pra vocês? 😌
  • Before we begin, I’d like to share a story.
Once upon a time there was a jellyfish. We’ll call it You.
You became lost sometimes.
You could be a little unsure.
You tried very hard.
But sometimes it didn’t feel like enough.
I hate to spoil the ending, but You is fine.
You is still here.
You is going to make it.
(Pillow thoughts)
• tradução livre: Antes de começar, eu gostaria de contar uma história. Era uma vez uma água-viva. Vamos chamá-la Você. Você se perdeu às vezes. Você se sentiu um pouco inseguro. Você tentou muito, mas às vezes não sentiu que era o suficiente. Eu odeio contar o final, mas Você está bem. Você ainda está aqui. Você vai conseguir.
• marca nos comentários quem você acha que está precisando ler essas palavras ☺️ Você não está sozinho e vai ficar tudo bem 🖤
  • females are strong as hell 🙃 (tradução livre: mulheres são fortes pra cacilda hehe) quem concorda? • tô meio sumida por aqui porque estou estudando algumas coisas pra conversar com vocês nos próximos vídeos 🖤 (quem já viu o que liberei essa semana? O link tá na bio) • qual a estampa da roupa que vocês estão usando nesse exato momento?
  • quem quer ganhar um exemplar da edição brasileira de Nimona? 🖤
Como prometi, vou sortear alguns livros nas próximas semanas para vocês que acompanham o @teawithmel ☺️
Para concorrer, basta comentar nessa foto falando que quer o livro (e seguir meu perfil, é claro!) 🖤
Resultado: domingo, dia 19/08 🙃
  • depois de alguns dias sem aparecer por aqui, vim agradecer todo carinho que recebi de vocês esses dias em que estive na bienal 🖤 muito obrigada por tudo, pessoal! E muito obrigada por todos os comentários na foto anterior 😍 estou animada para mostrar mais do meu caderno pra vocês 🙃 • Onde vocês estão nesse exato momento? Eu tô no meu quarto sentada na minha mesa me preparando pra estudar um pouco de japonês 🤓
  • depois de ficar muito frustrada com a minha moleskine comprei um @ciceropapelaria e comecei um novo caderno de memórias, inspiração etc ☺️ tô feliz! Vocês gostariam que eu fizesse um post e/ou vídeo falando sobre ele?

instagram