ENTRETENIMENTO LIVROS

LEIA MAIS MULHERES (DESAFIODESQUALIFICADAS)

Aproveitei os primeiros dias de 2019 para decidir qual seria a minha TBR de 10 livros para ler ao longo do ano (amo!). Mesmo sendo algo que dificilmente consigo cumprir (normalmente leio 6 livros dessa seleção), gosto de pensar nela com carinho e registrar em algum lugar. Desde 2015 compartilho essa lista no YouTube (2015201620172018) e, apesar de ainda não ter gravado o vídeo desse ano – tá praticamente impossível viver sem ventilador e é complicado gravar vídeo com ele ligado por causa do barulho do vento -, resolvi adiantar e compartilhar com vocês uma característica da minha TBR 2019: todos os livros foram escritos por mulheres.

Quando estava passando os olhos pela minha estante, fiquei muito feliz quando vi que não faltavam opções. Ver tantos nomes de mulheres na minha estante me deu uma sensação tão boa que nem sei se consigo explicá-la em palavras.

Hoje, duas amigas maravilhosas – Bia Alves e Cami Cabete – lançaram um desafio literário incrível que, além de combinar com a minha listinha dos 10 livros, vai me ajudar a acrescentar muitos outros títulos nas minhas TBR’s ao longo desse ano: Desafio Desqualificadas.

Esse desafio foi inspirado no #ReadingWomenChallenge criado pela @thereadingwomen. A ideia é muito simples e maravilhosa: ler mais livros escritos por mulheres.

A Bia e a Cami montaram uma lista com 24 categorias e mais duas extras para pra nos incentivar a procurar livros e autoras que, muitas vezes, poderiam passar despercebidas por nós.

Super recomendo que vocês acompanhem o perfil delas no Instagram por dois motivos: 1. elas são maravilhosas e 2. elas estão compartilhando várias dicas de livros para as categorias do desafio e, além de compartilhar os livros que elas estão lendo, também estão repostando nos Stories as indicações e leituras de quem está participando do desafio. Quem for participar, marca o @ delas para que elas possam ver, repostar e conversar com vocês.

O desafio foi lançado hoje – 14/01/2019 – e vai durar até o último dia desse ano.

Esse livro das fotos acima faz parte da minha TBR (spoiler! hehe) e é um dos que estão me acompanhando nesses últimos dias. Vox é uma distopia escrita pela Christina Dalcher que não só foi indicada pela Bia, como também foi um presente que ganhei dela. Ah, imaginem a minha surpresa quando abri o livro e vi que ele estava autografado. Pois é! Bia e seus presentes maravilhosos! Ainda estou no comecinho, mas já estou bem impactada com a leitura e ansiosa para saber o que vai acontecer nos próximos capítulos.

Espero que vocês tenham gostado do post e se animado para participar do desafio das minhas amigas. Lembrando que a ideia não é que vocês se estressem ou fiquem ansiosos para completar todos os desafios e sim dar mais espaço para livros escritos para mulheres em suas estantes e listas de leitura.

Sintam-se à vontade para recomendar livros aqui nos comentários. Vai ser ótimo contar com a ajuda de vocês para ler mais mulheres e conhecer trabalhos incríveis.

Ah, duas das categorias foram sugestões minhas. Será que vocês conseguem adivinhar quais foram?

Obrigada por tudo, pessoal! Boa leitura!

xoxo

ps: acho que deu pra entender, mas só reforçando: esse desafio é um convite para todos, independente do gênero com o qual se identifica! Vamos ler mais mulheres!

4 Comentários + Comentários pelo Facebook
Post Anterior
janeiro 14, 2019
Próximo post
janeiro 14, 2019
  • Júlia Viana

    Oi Mel! Tudo bem? Eu estou bem. Gostei muito da iniciativa tomada por vocês. Concordo! evemos ler mais livros escritos por mulheres. Na minha estante, infelizmente, existem poucos. Mas tenho um livro que se encaixa perfeitamente na categoria “livro comprado pela capa”, que se chama PAX da Sara Pennypacker (recomendo muuuuito, uma história extremamente emocionante). Nos deixe atualizados em relação aos livros que você escolheu para cada categoria!!
    Beijo e queijo,
    Juh…

    • Melina

      Oi, chuchu! Tudo e com você?
      Eu tô amando ler mais mulheres ♡ sempre que vou montar uma TBR fico sorrindo quando vejo que coloquei mais autoras mulheres na pilha :)
      Eu comprei Pax pra minha mãe, mas ainda não li! Quero muito ler e acho a capa dele muito amor! Muito obrigada pela dica e pode deixar que vou continuar compartilhando minhas leituras :*

  • C. Vieira

    Olá, Melina, como vai?
    Eu já tinha vindo a este blog, em minhas andanças para incrementar um pouco meu BuJo que caminha pra o sexto ano. Mas, como sempre acontece, não consegui deixar de comentar neste post específico. Porque falou que é livro, eu me interesso! Hehe
    Bem, achei realmente legal a ideia de adaptar o Desafio #ReadWomenChallenge. Eu tento fazê-lo todo o ano, e consegui até agora cumprir um pouco mais da metade dele. E este ano sinto até um absurdo orgulho de, surpreendentemente, ter mais mulheres escritoras do que homens na minha meta de leitura. Mas confesso que eu adapto minhas leituras a outras regras para incluir mais livros para além do desafio que tem apenas 24 obras (minha meta está com 50 livros, e contando). Mas da lista do Desafio EScritoras Desqualificadas, eu só não coloquei (ainda!), um Livro escrito por uma mulher trans (estou ainda escolhendo um!) e o “Livro comprado pela capa”, porque eu tenho trauma do que já passei com dois livros com capas lindas e que mostraram que apenas a capa eram boas neles. Ainda tenho vontade de arrancar e guardar comigo a capa e jogar o miolo no lixo, mas tenho dó de destruir livros, mesmo os péssimos. Haha
    Mas a coincidência que me fez querer escrever este comentário é que ‘Vox’ está na minha lista, e fica me “olhando” da estante à espera de que eu o leia. rs
    E é um prazer saber que mais e mais pessoas, mulheres principalmente, estão se engajando para dar visibilidade a esta maravilhosa capacidade que nós, mulheres, também temos.
    E sejamos justas, as obras das escritoras são incríveis!
    Até mais, Melina, e boas leituras para você!

    • Melina

      Fiquei tão feliz lendo esse seu comentário. Demorei um pouco pra conseguir responder, mas estou feliz de estar fazendo isso agora.
      Estou amando a experiência de dar cada vez mais e mais espaço para mulheres em minhas estantes, nas minhas pilhas de TBRs e em outras categorias da minha vida também. Hoje em dia tenho um consumo muito mais consciente e sempre estou tentando comprar de mulheres ♡ (e sempre divulgando o trabalho delas também).
      Agora voltando a falar sobre livros, li Vox há um tempinho já e AMEI o livro. É muito assustador e, ao mesmo tempo, motivador para fazer com que a gente continue usando nossa voz. Com certeza irei reler e indicar para quem pedir dicas de livros :)
      Boa leitura para nós!
      :*

Deixe seu comentário

Instagram

  • vocês já perceberam quantos produtos lindos podem ser feitos com as mãos? Hoje recebi de presente uma caixa da @tutusapatilhas com essa sapatilha vegana feito à mão e com esse bordado da @fleurbroderie também feito à mão 🥰 são duas marcas curitibanas que eu amo muito e que estou sempre indicando pra todos ♡ a cada dia me encanto mais com elas 😌 uma das formas que temos de ajudar o mundo a se tornar um lugar melhor é apoiar marcas que pequeno porte então vão lá conferir o trabalho delas ✨
  • você se considera introvertido, extrovertido ou ambivertido? Eu me considero ambivertida (mais pra introvertida) ♡ esse livro super fofo foi presente da autora @katiemarievaz ✨ (thanks for the book and for the lovely note, Katie) que é introvertida e compartilhou, de uma forma fofa e divertida, dicas para pessoas introvertidas conseguirem fugir de situações que elas gostariam de evitar 😌
  • por mim, coco todos os dias 🤣 quem aí também ama #bubbletea ♡ ? Esse aí eu tomei lá em Toronto. Arrasta pro lado pra ver a entrada do estabelecimento 😌
  • quem aí também gosta de mangá? ♡ eu tô apaixonada pela série #thegirlfromtheotherside que a @darksidebooks trouxe pro Brasil e já estou ansiosa pelo terceiro volume 😍🖤 vocês já viram o vídeo em que falei sobre A Garota do Outro Lado lá no canal? (no vídeo novo mostrei um kit muito lindo que vou dar de presente pra um de vocês) 💀🖤
  • quem já leu/assistiu Coraline? Esse foi o meu primeiro contato com @neilhimself e aconteceu há mais de 14 anos 🖤 lembro até hoje quando uma amiga me emprestou o livro dizendo que iria amar. Peguei pra ler o primeiro capítulo antes de começar a estudar, mas só consegui fechar depois que cheguei na última página de tanto que fiquei envolvida. Desde então, mesmo ainda não tendo lido tudo escrito por ele, considero o Gaiman um dos meus autores favoritos da vida 😌 quem mais é assim com ele ou qualquer outro autor/autora?

#coraline #actionfigures #neilgaiman
  • Comecei mais um diário/journal ♡ esse aí começou com as lembranças do meu aniversário. Quero tentar preencher ele com lembranças e coisas aleatórias até o meu próximo aniversário 😌 vocês costumam começar diários/journals no começo do ano, no dia do aniversário ou em qualquer dia aleatório que sentir vontade de começar?

instagram